Alerta de spoilers!

Uma demo vazada de Final Fantasy VII Remake lançou spoilers na internet sobre a nova versão do clássico da Square Enix.

Nas últimas horas de 2019, um canal no YouTube disponibilizou um suposto gameplay dos 45 primeiros minutos do jogo, que incluem a tela de start, uma introdução em CG e a primeira missão dos personagens Cloud, Barret e Jessie contra à Corporação Shinra.

Ainda não se sabe como o vazamento ocorreu, mas o portal Ars Technica sugere que um endereço IP falsificado tenha sido utilizado para acessar a demo antes do lançamento público. O que indica, também, que a Sony pode não ter um sistema credenciado para proteger arquivos de pré-lançamento em seu sistema PlayStation Network.

De qualquer modo, a Square Enix não reconheceu as imagens vazadas como conteúdo oficial de Final Fantasy VII Remake.

Mudanças na história

O texto contém spoilers sobre o jogo daqui em diante. 

De acordo com o portal Comic Book, a demo revelou uma mudança significativa na história de Final Fantasy VII. No jogo clássico, Cloud Strife e a AVALANCHE explodem um reator Mako 1 no início da história, resultando na morte de diversos civis, mas servindo como um grande golpe contra a corporação Shinra. No novo jogo, porém, a bomba instalada serve apenas para danificar o reator, e a explosão maior é causada pela própria Shinra, a fim de manipular a percepção dos cidadãos contra a AVALANCHE. 

A mudança não altera a história principal do jogo, mas faz com que o público entenda as ações da AVALANCHE de modo mais limpo e heroico em comparação ao original.

Lançamento exclusivo do PS4? Não mais

A demo vazada não revelou apenas esta mudança, mas também diversos novos dados sobre o jogo: dentro do conteúdo decodificado, foi encontrada uma pasta contendo quatro horas de conteúdo sonoro do jogo. Metade do áudio da pasta é dedicado à trilha do primeiro capítulo da história, enquanto a outra metade é classificada como “jukebox”, contendo uma mistura de remixes e rearranjos das músicas clássicas de FFVII.

O vazamento também indica que o jogo terá um total de 18 capítulos diferentes, sendo que o primeiro (que aparece no vídeo vazado), tem um total de 45 minutos de duração. Podendo assim, estimar que a primeira parte do jogo terá menos de 20 horas de gameplay.

Além disso, Final Fantasy VII Remake havia sido anunciado como um lançamento exclusivo para PlayStation 4, mas o código do jogo sugere informações sobre uma futura portabilidade para PC, com menções sobre resoluções mais altas que as presentes no PlayStation 4 e citações sobre NVIDIA e AMD.

Ficou curioso para assistir à demo do jogo?

Algumas partes do vídeo vazado ainda está disponível no YouTube, e pode ser assistido clicando abaixo, mas podem ficar indisponível a qualquer momento, por questões de direitos autorais.

https://www.youtube.com/watch?v=9ivzat4BSJ8

O lançamento de Final Fantasy VII está agendado para o dia 3 de março de 2020.

Leia mais aqui.

Compartilhe: