Você tem que jogar – Ni No Kuni: Wrath of the White Witch

Ni No Kuni cover

Ni No Kuni é um rpg japonês (JRPG) que surgiu com a parceria entre a desenvolvedora LEVEL-5  e o Studio Ghibli e publicado pela BANDAI NAMCO. O que acontece quando uma desenvolvedora de games se junta com o estúdio de animação mais foda maravilhoso que existe? O resultado é um game fantástico! Sou suspeita para falar porque sou apaixonada pelo trabalho do Studio e de Hayao Miyazaki e adoro games de RPG!
O jogo saiu primeiramente para Nintendo DS e depois para Playstation 3. Foi lançado em 2011 no Japão, mas só chegou nas terras de cá em 2013.

A História

Ni-no-kuni

O jogo conta a história do garotinho Oliver que perde a sua mãe quando ela o salva de um acidente. Enquanto Oliver chora em cima do bicho de pelúcia que sua mãe fez, o bicho ganha vida e se apresenta como Mr. Drippy, o Senhor das Fadas. Drippy conta para Oliver que sua mãe vive na forma da feiticeira Alicia e propõe que ele vá para o seu mundo (que é paralelo ao de Oliver) libertá-la da prisão do vilão Shadar. Para isso, o menino deve se tornar um grande feiticeiro. Esther e Swaine, entre outros, ajudam Oliver durante a aventura.

O Jogo

Ni_No_Kuni

Quem está acostumado a jogos de RPG, vai se adaptar facilmente ao game e quem for principiante no gênero não terá muitas dificuldades em aprender como funciona. Mr. Drippy sempre vai orientar Oliver e ele ainda conta com a ajuda do livro mágico. Todos os novos elementos que são acrescentados durante o jogo são sempre bem explicados. Estrelas amarelas sempre guiarão o caminho do personagem, então não dá para se perder ou esquecer onde é a próxima missão.

Existem missões paralelas (sidequests) que o jogador pode optar em fazer sempre que chegar em uma nova cidade. Além de ganhar XP, o jogador ganha dinheiro, itens, armas e selos. Os selos podem ser trocados por itens na loja de Bounty Hunter, que é um excelente lugar para conseguir essas missões paralelas. Outro modo de ganhar dinheiro e XP é ajudando os moradores das cidades, pode ser recuperando corações partidos por Shadar e até com exibições de alquimia. Missão é algo que não falta em Ni No Kuni. Também existem vários baús e potes escondidos no cenário que podem conter moedas e itens.

Livro de magia

Ni-No-Kuni livro magia

Ao topar entrar na aventura, Oliver ganha um livro de magias de Mr. Drippy. Nesse livro, o jogador encontra informações sobre feitiços, alquimia, familiares, contos, alfabeto, armas e mapas! Ele pode ajudar bastante durante a sua jornada.

Magia

Ni No Kuni magias

Durante o game Oliver ganha diversos tipos de magia. Entre elas existe uma chamada gateway que permite que ele volte sempre que quiser para o seu mundo. O protagonista precisará voltar algumas vezes para lá para resolver problemas. Existem magias que podem ser usadas em combate e para falar com animais ou com espíritos, recuperar pontes, levitar, teletransportar e muito mais!

Alquimia

Alquimia Ni No Kuni
A alquimia permite fazer combinações entre itens e armas para criar mais itens e armas mais úteis e mais legais. O jogador pode seguir receitas ou tentar criar a sua própria. Tudo é feito no caldeirão onde mora um gênio dentro dele.

Familiares

Ni No Kuni familiares 2
Durante a aventura, o jogador vai se deparar com vários pokémons familiares que podem ser capturados e usados em batalhas. Eles também podem digievoluir até duas vezes e, na evolução final, você pode escolher o tipo de evolução que deseja, cada uma oferecendo magias e habilidades diferentes. Pedras mágicas são utilizadas para evoluí-los mais ou menos como Eevee de Pokémon. Cada pedra corresponde a um tipo diferente de familiar. Quem pode capturá-los é Esther, mas não é possível fazer isso a qualquer momento. Os familiares devem ser sentir encantados durante a luta. Isso é perceptível através dos corações rosa em cima de suas cabeças, depois disso é só usar a harpa de Esther para capturá-los. São “apenas” 400 tipos diferentes para capturar!
Os familiares estão espalhados por todo o mapa. O jogador tem a opção de evitar a batalha, caso o familiar não o veja, caso o contrário ele irá para cima de Oliver para lutar. Quando Oliver e seus companheiros estão num nível mais elevado que os familiares da região eles começam a correr deles como o diabo foge da cruz! O jogador tem a opção de alimentá-los para aumentar agilidade, força, esquiva, magia, etc.

Sistema de batalhas

Ni No Kuni batalhas
As batalhas são em tempo real com possibilidade de livre deslocamento no cenário e o jogador pode lutar com até três personagens no PS3. Você pode escolher lutar com os personagens principais ou com os seus familiares. Cada personagem pode carregar até três familiares, ou seja, você tem 12 opções de personagens diferentes no campo de batalha. Mas só pode ser usado um personagem ou familiar de cada vez! Cada familiar tem um tempo restrito no campo de batalha. Quando o tempo estiver acabando pode-se trocar por outro familiar ou pelo personagem principal. É possível atacar, lançar magias, usar truques, utilizar itens, defender, esquivar e fugir da luta. Durante a batalha, o jogador pode utilizar táticas diferentes de luta. Pode-se escolher entre atacar o líder ou os oponentes mais fracos. Enquanto o líder ataca os inimigos, os demais podem usar cura ou agir como quiser. Existe a opção de todos atacarem ou todos se defenderem (que é bastante útil para evitar um ataque devastador de um boss).

Mapa

Ni No Kuni mapa
O mapa de Ni No Kuni é imenso! Oliver e seus companheiros começam explorando a pé e posteriormente poderão navegar ou voar com um dragão. Oliver ganha uma magia de teletransporte que pode levá-lo aos lugares que ele já visitou. Oliver e seus companheiros passam por cidades, ilhas, cavernas, vulcões e até a barriga de uma fada gigante!

Ni No Kuni dragão

Desde o começo, parece que somos transportados para o maravilhoso mundo do estúdio nipônico e do grande mestre Miyazaki. Graças ao gráfico, parece que estamos jogando uma de suas animações. O game possui a mesma delicadeza dos traços das animações do estúdio japonês e a mesma profundidade das histórias. A técnica utilizada foi a cell shading (técnica de renderização de imagens 3D para se assemelhar ao 2D), que é a mesma de Okami.

Oliver ir para um mundo desconhecido e mágico, querer salvar a sua mãe e sempre querer ajudar ao próximo já foi abordado em várias animações do estúdio. O jogo é bastante longo, tem duração de 40 a 60 horas dependendo se você fizer ou não as sidequests. A trilha sonora é digna de uma animação do Studio Ghibli!
Os únicos pontos negativos são quando você muda uma arma de um familiar e a nova arma/roupa/escudo não é mostrada quando você visualiza o familiar ou quando ele está no campo de batalha. Já no caso dos personagens essa mudança aparece durante as lutas. Eu gosto desse tipo de detalhe num jogo. E também alguns elementos do sistema de batalha, como ataque e defesa em grupo, que é ensinado bem depois (lá para depois de 10h de jogo) e que poderiam ajudar muito se fossem usados antes.

Ni-no-Kuni-Wrath-of-the-White-Witch14-12_014

Ni No Kuni foi feito para quem é fã de RPG clássico e, principalmente, do Studi Ghibli. Recomendo o jogo para quem curte os dois! Se as imagens da postagem não os convenceram a jogar espero que o trailer consiga fazer isso 🙂

Vocês já jogaram Ni No Kuni: Wrath of the White Witch? O que acharam o do rpg japonês?

Jogos disponível para: PS3 e Nintendo DS

 

Bônus 1
Preciso desesperadamente dessa edição de colecionador maravilhosa de Ni No Kuni: Wrath of the White Witch!!!

Ni-no-Kuni-edição especial

 

Bônus 2

Olha que linda também essa edição especial para Playstation 3!

Edição especial Ps3

 

Quem escreve? Rany

Graduada em Jornalismo e Jogos Digitais e pós-graduada em Mídia Digitais. Fã incondicional de As Crônicas de Gelo e Fogo, Tolkien, Fables, Tarantino, Miyazaki, Okami, Dragon Age e Mass Effect. Divido meu tempo livre com os meus vícios em séries de tv, filmes, livros e games.