Projeto desenvolvido por ESTUDANTES BRASILEIROS escolhido pela NASA entrará em órbita nesta sexta-feira.

Imagen da Estação ISS

O projeto científico “O Cimento Espacial” criados por estudantes brasileiros do ensino fundamental foi escolhido pela NASA para ser testado na Estação Espacial Internacional. O cimento, feito de cana-de-açúcar e plástico, pode ser utilizado em construções espaciais no futuro. A ideia é descobrir como a microgravidade afeta o processo de endurecimento do material mesclado com plástico e água.

 

O composto foi criado por estudantes de 12 e 13 anos do Colégio Dante Alighieri, da Escola Municipal Perimetral e do Projeto Âncora, de Cotia, colégios da grande São Paulo. Foram selecionados entre 10 mil inscritos pela participação de um concurso do governo norte-americano.

Equipe ganhadora do projeto.

Equipe ganhadora do projeto.

Para testar o projeto, foram preparados dois tubos iguais. Um vai para a ISS, (sigla em inglês da Estação Espacial Internacional) e o outro fica no laboratório terrestre. Cada um será divido em duas partes por presilhas: uma com água e outra com a mistura. A expedição terminará em aproximadamente 30 dias, o material que foi para órbita retorna o solo e será comparado com o que ficou por aqui.

A suposição considerava pelos estudantes é de que o cimento com o plástico verde vai se comportar de forma semelhante ao que acontece na terra. Se o composto der certo, ele pode permitir a produção avançada de objetos no espaço e isso pode até mesmo ajudar em uma futura colonização de outros planetas. COMO POR EXEMPLO MARTE!