Dica de Filme: Hoshi wo Ou Kodomo

hoshi_wo_ou_kodomo-30611

Hoshi wo Ou Kodomo (“crianças que perseguem estrelas”, em uma tradução literal) é uma animação japonesa de 1h56m produzida em 2011 e dirigida por Makoto Shinkai (5 centimenters per Second). O filme estreou em 7 de maio de 2011 no Japão.

Hoshi wo Ou Kodomo trata de uma aventura fantasiosa, não algo grandioso como salvar o mundo, está mais como uma missão de rpg, se assim por dizer, como se a cada obstáculo superado, os protagonistas evoluíssem alguns níveis. Sobre a produção, não há o que dizer quando o diretor se trata de Makoto Shinkai: animação impecável, roteiro dinâmico, e claro, uma trilha sonora das melhores.

hoshi_wo_ou_kodomo-30609

Enredo

Neste filme contaremos com uma heroína, Asuna Watase, que é apenas uma estudante solitária vivendo o sua pacata rotia em um pequeno vilarejo. Asuna tem o costume de ouvir uma espécie de rádio velho todos os dias, porque de lá sai um ruído estranho que a atrai. Em um certo dia, ela conhece um rapaz estranho e instantaneamente se tornam amigos. Porém, no dia seguinte, ele é encontrado morto e a garota fica inconformada, fazendo de tudo pra tentar achar explicações para aquela tragédia.

É aí que entra o segundo protagonista, Ryuuji Morisaki, o seu professor. O homem conta a lenda de Agartha, um lugar surreal capaz de trazer os mortos a vida. E depois de alguns acontecimentos estranhos, ambos partem em viagem na esperança de recuperar seus entes queridos.

hoshi_wo_ou_kodomo-30613

Música e Arte

A trilha sonora foi composta por Tenmon, que como todos bem sabem (ou devem saber), trabalha com Shinkai desde obras caseiras do diretor. Leve e bem ambientada, a trilha sonora conta com músicas instrumentais, onde pianos e violinos dão o tom delicado ao enredo.

hoshi_wo_ou_kodomo-30610

E como sempre, não há como falar de um filme de Shinkai sem destacar a delicadeza e beleza com que a arte é feita, dando destaque aos ambientes coloridos e as várias luzes em todas as cenas. Fora isso, os personagens foram desenhados de maneira simples, para parecerem como seres humanos comuns mesmo, nada espetacular para uma animação japonesa.

Vale a pena?

Houve muitas comparações deste filme com as obras de Miyazaki, mas julgando pelo fato do segundo ser considerado um dos maiores gênios do cinema japonês, é mais do que aceitável outros diretores se inspirando em suas obras, e para quem é bom observador, fica óbvia as referências corriqueiras aos filmes de Miyazaki durante o desenrolar de Hoshi wo Ou Kodomo.

hoshi_wo_ou_kodomo-30614

Eu sou meio suspeita pra falar dos filmes do Makoto, porque não há um do qual eu não ame, porém esse vale a pena, não apenas pela duração, mas pela leveza com que a história flui, e como tudo nos prende ao enredo, a forma como as personagens nos castivam. Se você for uma pessoa sensível, certamente irá se emocionar.

Assita online ou baixe aqui!

Quem escreve? Paula

Apaixonada por rpgs, doces, gatos e cultura asiática em geral. Futura maior detetive do mundo ~L não tem nada a ver~. Sonha com o dia em que vai poder gastar fortunas em figures-action. No mais, a leonina gorda que nunca dorme.