5 séries que foram canceladas e NÃO DEVERIAM!

hannibal

Vem chorar junto com a gente =~~~~

Seu ship se separou? Aquele arco maravilhoso está sendo desenvolvido de forma porca? Seu personagem favorito morreu? Nada, repito: NADA, é pior do que ter a sua série cancelada sem aviso, sem motivos num simples estalar dos dedos.

Um cancelamento é como uma gripe, você sente a sua presença tímida em sua vida, mas a dúvida dela estar mesmo entre nós, só se confirma após o primeiro sinal de febre alta, no caso quando o canal anuncia o cancelamento em suas redes. Mesmo com a brava luta contra tal mal, através de mensagens desaforadas para os produtores e canal, e até mesmo formulando petições para ser assinada por todo o mundo, 98% das séries canceladas CONTINUAM canceladas e entram no purgatório das séries que tiveram uma chance, mas não foi dessa vez. E o pior é quando a série é cancelada e param de exibi-la no meio do caminho, ou a pior das tragédias: a série conclui com um cliffhanger fantástico e ficamos sem saber o que aconteceria na próxima temporada. Eu sou SEMPRE a favor de: vai cancelar a série? Tudo bem. Dê um episódio especial para concluir tudo. Ah, mas vai ser um investimento sem retorno, não vale a pena. Então se acostume com os telespectadores se demandarem para programas em canais onde os produtores respeitam a opinião do público, antes de pensar só no dinheiro.

No entanto, quando uma série é cancelada existe um motivo para isso, certo? Roteiro fraco, pouco ibope, efeito especial porco, elenco sem química, isso quando a produtora está quebrada ou sem muita vontade em continuar produzindo aquela série pelo seu canal ter uma de conteúdo similar ou simplesmente está desejando diminuir gastos para investir em algo maior. E quando a série, mesmo com falhas consertáveis (ou às vezes, sem elas) é cancelada mesmo assim, o que se deve fazer? Uma lista das séries que foram canceladas injustamente e o por que delas merecerem terem sido salvas – ou, em tempos de canais streaming salvando geral, por que não sonhar com um salvamento nos 45 minutos do segundo tempo?

1. Hannibal

Hannibal, posterCanal: NBC
Exibição: Abril de 2013 a Agosto de 2015
Quantas temporadas: Três temporadas, com 39 episódios.
Tem no netflix? As duas primeiras temporadas encontram-se no Streaming.
Nível de ódio por te sido cancelada: Para começo de conversa, quem é o imbecil que chega a PENSAR em cancelar essa série?

Will Graham (Hugh Dancy) é um talentoso fornecedor de perfis criminosos que está em busca de um serial killer, com a ajuda do FBI. A forma única de Graham pensar dá a ele a habilidade de ter empatia com qualquer um – até mesmo psicopatas. Ele parece saber o que os afeta.
Entretanto, a mente do homem procurado é muito complicada, até mesmo para Graham, portanto, ele busca pela ajuda do Dr Hannibal Lecter (Mads Mikkelsen) – um dos maiores psiquiatras do país. Armado com o conhecimento do brilhante doutor, Will e Hannibal formam uma parceria excelente, da qual nenhum criminoso escapa.

Por que não deveria ter sido cancelada?
Quem em sã consciência cancela uma série com protagonistas de peso como Mads Mikkelsen, Hugh Dancy e Laurence Fishburne tendo como diretor Bryan Fuller?
Eu não sei dizer o que se passa na cabeça de uma pessoa que fala: Ah, vamos cancelar Hannibal porque… Porque sim. Esse foi uma dos cancelamentos mais WHAT THE FUCK da temporada. Os fãs não entenderam o motivo. Quem não assistia também não entendeu. Nem o próprio Bryan pareceu entender, mas não mostrou surpresa. Aliás, ele é um incompreendido da televisão americana.
A série tem um roteiro complexo e intenso, um elenco impecável em sua performance, efeitos especiais muito bem aplicados e uma das fotografias mais belas da televisão americana nos últimos dez anos. Para mim, Hannibal era o filho incompreendido das séries americanas. Ele era fantástico, mas era deixado de lado por ser diferente. A NBC não deu muitos detalhes sobre o cancelamento, o que supõe é a audiência instável ter deixado a NBC preocupada com esse investimento alto.

2. The Whispers

The Whispers, posterCanal: ABC
Exibição: Junho de 2015 a Agosto de 2015
Quantas temporadas: Uma temporada, com 13 episódios.
Tem no netflix? Não!
Nível de ódio por te sido cancelada: COMO VOCÊ CANCELA UMA SÉRIE QUE TEM LILY RABE E MILO VENTIMIGLIA DE PROTAGONISTAS? E COM AQUELE FINAL? QUAL É O SEU PROBLEMA, ABC?

The Whispers explora o que acontece quando uma força paranormal começa uma assombração misteriosa que tira a tranquilidade da terra usando os habitantes mais improváveis e confiantes no planeta – as crianças.

Por que não deveria ter sido cancelada?
ALIENS! Quantas séries com essa temática temos no ar atualmente? Tirando o revival de Arquivo X, não consigo pensar em nenhuma em particular. The Whispers começa tímida, com um mistério aqui, outro ali, um roteiro instável com um elenco bom, a série prometia uma coisa e nos deu outra, muito melhor. Infelizmente, a audiência americana não gostou tanto quando a ABC esperava, não apoiou, houve problemas contratuais com o elenco e a série foi cancelada poucos meses após o fim da sua primeira temporada. Eu fiquei órfã por motivos de: a série foi concluída com um cliffhanger fantástico.

3. Constantine

Constantine, posterCanal: NBC
Exibição: Outubro de 2014 a Fevereiro de 2015
Quantas temporadas: Uma temporada, com 13 episódios.
Tem no netflix? Não.
Nível de ódio por te sido cancelada: Fazendo Voodoo para todos que concordaram com esse cancelamento, lá na NBC.

John Constantine (Matt Ryan) é um ocultista, e luta com sua fé e seu conhecimento feroz sobre magia negra contra os fantasmas do passado que o perseguem. Quando seu potencial é descoberto, ele de repente se vê preso ao papel de defender a humanidade das forças do mal. E ao lado de John, seu amigo Chas, a vidente Zed e o anjo Manny.

Por que não deveria ter sido cancelada?
Essa série deu o que falar desde a pré-produção até a sua estreia. Os riscos eram altos, o canal não mostrou segurança com o produto ao qual tinha em mãos e os fãs de Hellblazer estavam temerosos com o que a produção estava reservando para o sucesso da DC. Após um filme bom, mas não tão aclamado pelo público, a NBC arriscou em trazer Constantine no formato série, seguindo o modelo ‘caso da semana’, a série não caiu nas graças do público, todavia Matt Ryan conquistou arrebatadoramente os fãs com a sua interpretação impecável de John Constantine. No mais, a série não trouxe nada novo para a abordagem sobrenatural. O elenco era bom, mas um pouco sem sal e Matt carregava a série. Quando o cancelamento chegou, muitos não mostraram surpresa, entretanto rolou petições pela web. Recentemente, Matt retornou ao sobretudo de Constantine e participou da série Arrow do canal The CW. O canal está trabalhando com várias produções da DC e correm boatos que Constantine pode sim, ser a próxima franquia a ser explorada. Entretanto também rola comentários dele ser levado para as telonas novamente. Se Matt continuará no papel? Não sei, só sei que a série era boa, capengava aqui e ali, mas era uma questão de estruturar e encontrar a sua identidade.

4. Forever

FOREVERCanal: ABC
Exibição: Setembro de 2014 a Maio de 2015
Quantas temporadas: Uma temporada, com 22 episódios.
Tem no netflix? Não.
Nível de ódio por te sido cancelada: POR QUE VOCÊS NÃO DEIXAM O IOAN GRUFFUDD SER PROTAGONISTA DE UMA SÉRIE, GENTE? DEIXA O MOÇO EM PAZ!

O médico legista Henry Morgan possui um segredo: ele é imortal. Morgan estuda, há 200 anos, aqueles que partiram, a fim de descobrir o mistério de sua própria condição. A longa vida de Henry fez com que ele começasse a estudar cada vez mais, levando-o a desenvolver habilidades que acabam se tornando importantes para as investigações policiais, o que resulta no convite para ser legista oficial da polícia, pela Detetive Jo. Junto a Abe, seu melhor amigo e único que sabe de sua condição, eles terão que lidar com uma terceira pessoa que também conhece seu segredo.

Por que não deveria ter sido cancelada?
Falando sobre falta de identidade, Forever sofreu muito com isso ou com o excesso disso. De todos os cancelamentos nessa lista, essa é a única série a qual eu concordo de certa forma com o cancelamento. Sabe por quê? Por não ter futuro. Forever era uma série muito boa, com um elenco muito bom, apenas a atriz da personagem Jo que era um pouquinho chuchu (sem sal, sem gosto, sem utilidade), mas de resto não me decepcionei com a construção dos personagens e interpretações. Por ter mais de 13 episódios você pensa que a série capenga e enrola em algum momento, mas não. O roteiro consegue caminhar sem cansar, sem enrolar e mesmo com pontas soltas, o público não tem o que reclamar sobre desenvolvimento e conclusão de arcos. Agora por que eu achava que a série não tinha futuro? Em algum momento você sentirá que o formato da série se torna repetitivo e o grande trunfo da série não demora a ser revelado, o que acaba não dando muito pano na manga para um futuro extenso. A falta de identidade aqui é a série abordar investigações policiais sobre os olhos de uma detetive com um passado sofrido e um legista extremamente inteligente a la Sherlock. Quem sou eu para rejeitar uma série de investigação! ADORO! Mas, atualmente o que mais temos são séries policiais com teor investigativos, tá na hora de remodelar isso ou só dar um tempo no gênero. O excesso de identidade? Esse legista é imortal, não sabe por que é imortal e revive suas vivências constantemente, o que normalmente ajuda nos casos. Por que ele é imortal? Existem outros? Existem outros dons? Ele é um mutante? Cadê professor Xavier? A série foi decaindo na audiência gradativamente e mesmo ganhando uma temporada completa, Forever não durou mais do que alguns meses.

5. Helix

Helix, posterCanal: SyFy
Exibição: Janeiro de 2014 a Abril de 2015
Quantas temporadas: Duas temporadas, com 26 episódios.
Tem no netflix? Sim. A primeira temporada está lá!
Nível de ódio por te sido cancelada: VOCÊ NÃO TINHA O DIREITO DE CANCELAR ESSA SÉRIE DEPOIS DAQUELE CLIFFHANGER.

Essa série de suspense produzida por Ronald Moore (Battlestar Galactica e Caprica) conta a história de um grupo de cientistas do Centro de Controle de Epidemias que corre contra o tempo para descobrir a cura de uma doença que se espalha muito rapidamente entre pesquisadores no Ártico.

Por que não deveria ter sido cancelada?
E como eu falei sobre excesso de identidade… Helix sofria muito disso. MUITO MESMO. Essa série era louca. MAS ERA UM LOUCO BOM, MINHA GENTE. Fiquei devastada com o cancelamento e se você assistiu ao final da segunda temporada entende o motivo da minha chateação! Quem cancela essa série depois daquele cliffhanger? Como vocês da SyFy querem que eu continue a viver sem saber o que aconteceu com o meu Peterzinho e Hatakezinho? Absurdo! Mas como eu disse, a série era louca e de loucura já basta na nossa vida diária, mas vou dar um panorama rápido da série: Todos os episódios tinham um cliffhanger fantástico. A primeira temporada é recheada de revelações inesperadas que sempre estiveram dançando na nossa cara, e é claro os personagens. AH, e não vamos esquecer daquela música tema maravilhosa. Vai ser o meu código quando eu me tornar uma espiã.

Menção Honrosa:

Selfie

Selfie, poster

Exibição: Setembro de 2014 a Dezembro de 2014
Quantas temporadas: Uma temporada, com 13 episódios.
Tem no netflix? Não.
Nível de ódio por te sido cancelada: Vocês não sabem o que é bom.

Uma mulher de vinte e poucos anos, chamada Eliza Dooley está mais preocupada no número de “curtidas” que recebe nas redes sociais do que ser realmente admirada na vida real. Depois de um humilhante – e público – fim de relacionamento, ela se torna vítima de um vídeo viral e de repente ganha mais “seguidores” do que jamais imaginou – mas pelas razões erradas. Ela pede a ajuda de um especialista em marketing na sua empresa para ajudar a reparar a sua imagem.

Por que não deveria ter sido cancelada?

Foi um chororo na minha timeline quando essa séria cancelada e não é para menos. Eu não entendi esse cancelamento. Não mesmo. A série de comédia estrelada por Karen Gillan tinha tudo para ser um sucesso – e foi. Um bom elenco, boas piadas, timing excelente, ótima produção e… Foi cancelada. Ninguém entendeu. Ninguém entende. Foi o ibope? Foi porque a Karen ia ter menos tempo como protagonista, por conta de seus filmes? Bom, a série foi para os finados, rolou petição, imploraram para a amazon, para o netflix até para Deus, mas não rolou.

E aí, você acompanhava alguma dessas séries e também ficou desacreditado com de um mundo onde séries boas são valorizadas e não abandonadas no purgatório? Discorda de alguma série na lista, incluiria alguma série? Comente aqui o que você acha sobre esse assunto tão polêmico quanto Existe um limite de sofrimento para Meredith Grey?

Quem escreve? Barbara Herdy

Escritora, blogueira, tradutora, moody, hobbit, caçadora de relíquias, 1840's Kid, gamer, hipster, Rainha perdida e Jane Austen me entenderia, mates.