14 atores de Game of Thrones com talentos musicais

melisandre

Escute as músicas!

Nem apenas de traições, dragões e andarilhos brancos vivem os atores de Game of Thrones. Ao menos 14 deles têm talentos musicais! Por isso, fizemos uma lista com as músicas de cada um para você escolher qual curte mais.

O ALTO PARDAL – JONATHAN PRYCE

Jonathan Pryce apareceu em muitos musicais, e ganhou Tonys por dois: seu papel como O Engenheiro em Miss Saigon (1991), e como Gethin Price em The Comedians (1977). E também tem esse começo de filme, que é bapho.

BRONN – JEROME FLYNN

O jovem Jerome Flynn teve uma carreira de sucesso como parte da dupla pop Robson & Jerome, antes de começar a matar as pessoas por conta dos irmãos Lannister. Por favor, preste atenção na dança em cima do telhado.

DAARIO NAHARIS 2.0 – MICHIEL HUISMAN

Michiel Huisman é holandês, e, quando novo fazia seus clipes como cantor e criador de um dutch pop. Ele também se apresentou em alguns shows em Nashville tocando country music.

DAENERYS TARGARYEN – EMILIA CLARKE

A mãe dos dragões mostra que tem ujma boa voz no filme Dom Hemingway, no papel de filha de Jude Law. O problema é que o vídeo tem apenas um minuto, e queremos escutar muito mais!

HIZDAHR ZO LORAQ – JOEL FRY

Lembra do cara que casou com a Daenerys brevemente? Pois o ator e sua banda, Animal Circus, soltaram um EP em 2012. O clipe mostra a mistura de pop com reggae do Animal Circus. Mas, infelizmente, a banda acabou.

HODOR – KRISTIAN NAIRN

Você já deve saber que Nairn é um DJ com um bando de festas e remixes no currículo. Uma das coisas mais bacanas é Rave of Thrones, sua turnê, que mistura as picapes com o mundo da série.

SER ILYN PAYNE – WILKO JOHNSON

Acredite, Wilko (também conhecido por dar umas machadadas nas cabeças das pessoas em Game of Thrones) teve uma carreira musical extensa, e chegou a tocar junto com Roger Daltrey, vocalista do The Who (APENAS). Nesse show, toda proeza do ator e músico na década de 1970.

JOJEN REED – THOMAS BRODIE-SANGSTER

Thomas Brodie-Sangster toca baixo na banda de sua mãe, Winnet. Ela faz os vocais nessa canção com temática cabaré. Como eu amo cabaré, está aí para apreciar junto comigo.

MELISANDRE – CARICE VAN HOUTEN

Ok. É BEM estranho assistir à Melisandre cantando, dançando, e se divertindo no geral. A música, “Fear Not” é de Michael Prins. E o clipe é… BEM estranho. Sério. Mas, assista, e tire suas próprias conclusões.

OSHA – NATALIA TENA

Natalia Tena, conhecida como a selvagem badass Osha é acordeonista e cantora da banda Molotov Jukebox, cheia de referências musicais, como ska, cigano, folk, música latina, entre outras. Se você curte misturas, certamente vai gostar.

RAMSAY BOLTON – IWAN RHEON

E não é que Ramsay tem um belo álbum? “Dinard”, de Iwan Rheon foi lançado em 2015, e você pode escutar umas das músicas acima. Inclusive, se eu fosse você, eu teria o álbum completo.

SANDOR “O CÃO” CLEGANE – RORY MCCANN

Para tudo! A antiga banda de Rory, Thundersoup, fez um show em 1990. Show, este, que acabou gravado (e colocado no YouTube, claro). Sim, essa fantasia de Papai Noel deixa tudo melhor, concordo com o seu pensamento.

SER JORAH – IAIN GLEN

Iain Glen chegou a receber uma nomeação ao Olivier (o equivalente ao Tonys no Reino Unido) pelo seu papel de Martin Guerre em Small Engine Repairs. Também curte fazer umas Jams, e é uma delas que está no vídeo acima.

VERME CINZENTO – JACOB ANDERSON

Em sua carreira musical, Verme Cinzento Jacob Anderson usa a alcunha de Raleigh Ritchie. Faz um pop de boa qualidade, bem divertido e gostoso de escutar. Não é?

BÔNUS – TODO MUNDO

Bem, eles fizeram o musical mais louco de todos os tempos. Então, todos merecem. Todo mundo ganha estrelinha.

Quem escreve? Flávia Gasi

Flávia Gasi é doutoranda e mestre pela PUC-SP. Lançou o livro Videogames e Mitologia. Atualmente é colunista do IGN Brasil, escritora de videogames; CEO da Ni Game Content; professora; e tradutora. Defende a democratização dos consoles, direitos iguais no game e o direito de comer sucrilhos sem leite.