O Rei Aurora nos conta um pouco mais sobre a história de Lor e a competição mortal para se tornar a Rainha Sol!

Em O Rei Aurorasegundo volume da coleção Artefatos de Ouranoscontinuamos acompanhando a história de Lor, que foi recrutada para passar pelas provas mortais para se tornar A Rainha Sol.

Agora, Lor se libertou do Rei Sol, mas agora está nas mãos de Nadir, o Príncipe Aurora. Ele não medirá esforços para ouvir os segredos que Lor descobriu ao final das provas da Rainha Sol. Porém, Lor não pretende contar, porque ele é filho do homem que a manteve presa por muitos anos. Apesar disso, os dois precisarão unir forças para encontrar um artefato sagrado de Ouranos, em uma corrida contra o tempo.

Importante: o livro contém conteúdo adulto e alguns gatilhos, leia com cuidado.

História

Depois de ter sido traída pelo Rei Sol e sequestrada por Nadir, Lor está em um beco sem saída: o Príncipe Aurora sabe que ela guarda um segredo importante, mas seus instintos lhe dizem para não confiar no filho do Rei Aurora, que a fez sofrer todos os terrores de Nostraza. Porém, Nadir é o único que pode fazer o que Lor mais deseja: libertar seus irmãos.

Atenção: a partir deste ponto, a resenha contém pequenos spoilers, sobretudo para quem não leu a primeira edição.

Ao se ver reunida novamente com Willow e Tristan, Lor revela, então, a verdade ao príncipe: eles são netos da Rainha Coração, a nobre Feérica que deu início à guerra sanguinária que quase destruiu Ouranos, e Lor tem os poderes necessários para mudar o rumo que Aurora vem tomando e, finalmente, dar um fim no rei Rion.

Tudo o que Nadir almeja é colocar um fim no governo violento de seu pai, então ele propõe a Lor uma aliança. Para que ela recupere seus poderes, eles precisam encontrar a coroa da Rainha Coração e, assim, partem em busca do artefato sem saber os perigos que os aguardam.

Apesar disto, estes perigos não são nada se comparados ao destino que Ouranos pode ter caso eles fracassem nessa missão.

o rei aurora

Vale a pena?

O primeiro livro terminou com um cliffhanger totalmente inusitado, que deixa qualquer leitor ansioso para o segundo volume. A história segue da mesma forma, bastante fluída e alternando entre os personagens, e quando há flashbacks da Rainha Coração, tudo é avisado (inclusive com o período de tempo), para evitar maiores confusões.

De forma idêntica ao antecessor, o livro também termina de forma inesperada e no ápice dos acontecimentos, causando novamente essa sensação de ansiedade para entender o que acontecerá no último volume.

De toda a forma, o fato de ocorrerem poucos elementos na história foi algo que permitiu explorar mais os sentimentos das personagens, especialmente nessa edição em que Lor está muito confusa em relação aos seus sentimentos, e sequer pode dar tanta atenção para isso, diante de tudo o que anda acontecendo e da responsabilidade que tem em suas mãos.

Se você se interessa por histórias de aventura, ação e uma pitada de romance, aliados a uma protagonista forte, esse livro é para você!


Curtiu? Então leia também: Conheça Cafés & Lendas, um cozy fantasy sobre uma orc aventureira aposentada que abre sua própria cafeteria!

Compartilhe: