Tudo sobre o RPG Tormenta Alpha, entrevistamos os criadores!

3DT-TAlpha-capa

Poderes CÓSMICOS E FENOMENAIS! -dentro de um livrozinho.

Saudações Defensores da Tormenta!

Hoje eu venho lhes trazer a notícia que abalou as estruturas de toda a terra de Arton, o lançamento do livro de RPG do Tormenta Alpha pela editora Jambô! Uma linda mistura do cenário de Tormenta com as regras simples e livres do 3D&T

(Link para conferir o livro e comprar o quanto antes)
E olha que nós até falamos de Tormenta e 3D&T nesse post aqui sobre adaptações de cenários de animes.

Como sabia que o pessoal estava esperando ansiosamente por esse livro, no lugar de um review meu, que tal ouvir um pouquinho sobre as novidades do livro  DIRETAMENTE DOS CRIADORES? Isso mesmo! Como eu sou uma pessoa muito legal fiz uma entrevista pra lá de bacana com o Marlon Teske e o Marcelo Cassaro, então bora conferir?

tormenta-alpha-4

  1. Como surgiu a ideia do Tormenta Alpha, por que vocês decidiram juntar os dois?

Marlon: Tormenta e 3D&T possuem laços bem mais antigos. Lá atrás, quando Arton surgiu como um suplemento na revista Dragão Brasil, ele já trazia regras para 3D&T, junto com AD&D e GURPS. Por algum tempo, inclusive, o único sistema de Tormenta foi Defensores de Tóquio. Depois, com a licença aberta do d20 system, o cenário retornou ao seu sistema de origem, o D&D, e dele para a versão OGL: o Tormenta RPG. Mesmo assim, após tantos anos, muitas pessoas ainda jogavam e pediam por mais 3D&T.

Com a retomada do sistema na versão Alpha e a chegada de muitos jogadores novos, uma versão atualizada de Tormenta foi um passo natural. Porém, optamos por não fazer apenas mais do mesmo. Resolvemos chutar o balde. E chutamos longe!

Cassaro: Quando inventamos Tormenta, eu e meus amigos Rogério Saladino e J.M.Trevisan tínhamos um objetivo claro: queríamos que Arton fosse um mundo de Dungeons & Dragons. Amamos D&D, amamos seus cenários clássicos — Forgotten Realms, Dragonlance, Ravenloft, Eberron. D&D é algo muito especial para nós, algo que nos apresentou e ainda nos mantém unidos. Em nosso coração, Tormenta sempre foi e será D&D; impossível separá-los.

Mesmo assim, quando era publicado na Dragão Brasil, adaptamos Tormenta em regras para outros jogos, como Gurps e 3D&T. Nem sempre funcionava, eram RPGs com abordagens diferentes. Quando veio a Licença Aberta D20, permitindo usar as regras de D&D livremente, fizemos como Pathfinder nos EUA — transformamos Tormenta em jogo próprio, separado de D&D, e mantendo o mesmo clima, a mesma alma. Tormenta estava agora como sempre quisemos.

Mas Tormenta não é um mundo que inventamos para usar em nossa mesa de jogo, não é um mundo para nos satisfazer; é para seu público, para todos! Muita coisa em Arton — o estilo anime, o humor irresponsável, o poder exagerado — combina mais com 3D&T e menos com D20.

3DT-TAlpha-2

  1. Todos amam 3D&T e se sentem em casa em Tormenta, quais são os maiores benefícios para os aventureiros ao juntar estes dois sistemas?

Cassaro: Costumo dizer que 3D&T foi um plano que saiu muito errado. Deveria ser um jogo introdutório, uma porta de fácil acesso ao hobby, algo para aprender e jogar rápido — sem encarar nenhum livrão assustador. Achei que as pessoas jogariam um pouco, cansariam e mudariam para jogos mais avançados. Nunca me ocorreu que tanta gente acabaria preferindo continuar em 3D&T.

O jogo tem mesmo qualidades que faltam a outros. Ser barato (na verdade é gratuito, o livro básico digital está disponível do site da Jambô; você paga apenas pelo livro físico). Construir um personagem em minutos. Mestrar sem tanta preparação. Solucionar situações rapidamente, sem consultar as regras. Evoluir a níveis épicos, cósmicos, divinos, sem a complicação absurda que isso exige em outros jogos — eu adoro D&D e Pathfinder, mas fazer personagem acima de 16º nível é mais chato que declarar o Imposto de Renda!

Marlon: O principal motivo é a diversão: esse é um sistema para exagerar e extrapolar tudo. Um jogo sobre tentar o impossível sem pensar nas consequências. Errar, cair, aprender e levantar até conseguir. E ele encaixa muito bem com Arton, um mundo que é naturalmente problemático e poderoso.

 

tormenta-alpha-2

 

  1. O que os jogadores podem esperar quanto à liberdade para fazer campanhas épicas? É possível mesmo fazer personagens com poderes cósmicos e fenomenais?

Marlon: personagens de 3D&T já são por definição muito poderosos. Aumentar ainda mais o patamar de poder dos personagens pode parecer inconsequente. Mas a ideia é essa mesmo!

Em regras, não há diferença entre um herói comum e um deus. Todo jogador pode chegar lá, basta querer (e jogar bastante). Não existem mais poderes que apenas NPCs possuem, está tudo ali disponível. E unindo o sistema de escalas de poder com as características sobre-heroicas, reduzimos drasticamente as pontuações de níveis avançados, sem reduzir a capacidade de causar estragos em escala industrial.

Antes, um deus como Khalmyr era feito com milhares de pontos. Agora, chegar a esse nível de poder está ao alcance dos jogadores. E quem nunca quis ensinar algumas lições a esse mala pessoalmente?

Cassaro: 3D&T existe para emular anime e games, e pouca coisa é tão chamativa em anime e games quanto suas escaladas cósmicas de poder. Pense em Dragonball, Cavaleiros, até Final Fantasy. 3D&T Alpha aceita esse tipo de coisa, aceita um herói que começa mais ou menos normal que vai se tornando mais e mais forte, até destruir planetas com uma bofetada.

O mundo de Tormenta ainda não estava preparado para tanto poder nas mãos dos jogadores. Mas Tormenta Alpha, está.

Novos níveis de poder e possibilidades de você se tornar UM DEUS!

Novos níveis de poder e possibilidades de você se tornar UM DEUS!

 

  1. Quais novidades trazidas pelo Tormenta Alpha vocês acham mais fantásticas ou que são mais significativas para a história e o sistema?

Cassaro: Tormenta existe em 3D&T há muito tempo — o próprio Manual Alpha é repleto de referências a Arton. Mas Tormenta, como eu já mencionei, é um cenário de D&D — é a forma como o mundo aparece no atual Tormenta RPG. Apesar do estilo anime, é mais próximo de Senhor dos Anéis e Lodoss War. Existe muita coisa que você pode fazer e, também, muita coisa que não pode.

Em versões passadas, tentamos transformar 3D&T em Tormenta, mas isso seria apenas limitar o jogo. Então agora é o contrário, agora Tormenta se transforma em 3D&T. É menos Senhor dos Anéis e mais Slayers, Gurrenn Lagann, Sword Art Online. Na antiga Arton era complicado ser Lina Inverse e explodir cidades com uma magia; agora é fácil. Se antes era quase impossível salvar Glórienn e restaurar seu status como Deusa dos Elfos, agora pode ser feito em uma ou duas tardes!

Marlon: Gosto de todas as possibilidades que todo esse material trouxe. Se você quiser jogar com personagens iniciantes de 5 pontos, esse livro tem desafios para você. Se em vez disso optar por jogar com personagens deuses construídos com mais de 100 pontos, esse livro também tem desafios pra vocês.

 

  1. Por que nós vamos nos apaixonar pelo novo Tormenta Alpha?

Marlon: Pra mim, que adotei 3D&T como sistema, esse livro é um sonho louco transformado em realidade. Conseguimos colocar nele quase tudo o que Tormenta trouxe ao longo de todos esses anos, em escala e com robôs gigantes! Ele sozinho traz material para uma infinidade de histórias. E poder compartilhar isso com todos os jogadores de 3D&T é o que me faz gostar muito dele. É um presente nosso pra todo mundo que esperou por esse livro por tanto tempo.

Cassaro: Não é apenas uma nova Arton — é a Arton que muitos sonhavam. Uma Arton sem barreiras, sem limites. Você pode ser qualquer coisa, fazer qualquer coisa. Pense em seus heróis favoritos de anime, com seus objetivos quase impossíveis: ser o maior do mundo, derrotar um inimigo todo-poderoso, resgatar alguém da morte, conquistar o amor de um deus, tornar-se um deus, governar o universo. Decida seu sonho, seu grande destino, não importa quão ambicioso. Tormenta Alpha não ficará em seu caminho; ele estará a seu favor.

 

Eu preciso dizer mais alguma coisa? Acho que não né? Corre lá pra conferir o Tormenta Alpha e seja você mesmo um destruidor de Divindades!! Pra quem já gosta do cenário é uma possibilidade imensa de fazer aquele personagem cheio de poder e com a capacidade de até reviver Beluga!

E lembrando que se você ainda não joga RPG ainda o 3d&t é um excelente começo e o download dele é grátis na Jambô! Depois disso pode passar a ser aventurar por Tormenta e todos outros universos e planos.

Para terminar eu vou deixar essa arte LINDA DE MORRER do livro aqui e sair de fininho.
Ah, enquanto isso, contem aí o que acharam da adaptação!

 

tormenta-alpha-1

tormenta-alpha-3

Quem escreve? Nina Hobbit

Nina, antes de tudo, é uma hobbit e isso diz muito. Ela mestra streams de RPG Steampunk pelo Perdidos no Play enquanto tenta terminar a faculdade e dominar o mundo com fofuras. Enquanto sua mente não para de criar histórias ela tenta achar tempo pros livros e doces que tanto ama.