Saintia Shô, o spin-off do mangá de Cavaleiros do Zodíaco cheio de protagonistas femininas fortes

saint-seiya-saintia-sho

Conheça a história das Saintias, a ordem dos defensores de Athena!

Sabemos que a série Cavaleiros do Zodíaco (Saint Seiya) foi um estouro tão grande que até hoje, mesmo não tendo a mesma intensidade que tinha antes, a franquia ainda rende muito ao criador Masami Kurumada.

Por isso, em 2013, resolveram lançar um spin-off chamado Saint Seiya – Saintia Sho, uma série em que amazonas participam, desde os tempos mitológicos, da ordem dos Defensores de Athena. A história se passa entre a derrota da Saga de Gêmeos e o início da Saga de Poseidon (GENTE, ASGARD SÓ EXISTE NO ANIME!) e acompanha a trajetória de Shoko (ou simplesmente Sho), a representante da constelação de Equuleus (literalmente, “Cavalo Menor”) que, ao lado de outras amazonas guerreiras, conhecidas como Saintias, lutarão para defender a deusa Athena!

saint-seiya-saintia-sho-empoderamento-feminino-10

Análise Técnica

Shoko foi uma grande surpresa para todos. Na verdade, diferente do que todos estávamos esperando, ela não é a responsável pela armadura de Pegasus 🙁 MAS há uma certa ligação: a constelação de Equuleus, por qual é responsável, é vizinha de Pegasus. Inclusive, seu golpe principal é “Equuleus Ryuu Sei Ken” (QUALQUER SEMELHANÇA É MERA COINCIDÊNCIA).

saint-seiya-saintia-sho-empoderamento-feminino

saint-seiya-saintia-sho-empoderamento-feminino-9

Aliás, diferente dos tradicionais Cavaleiros do Zodíaco, que sofrem com a posição que ocupam, Shoko gosta do que faz – e, inclusive, demonstra seu gosto por luta antes mesmo de se tornar uma amazona, já que pratica artes marciais há muito tempo. Esse seu jeitão é bem demonstrado no prólogo, que conta apenas com 10 páginas, em que ela tira sarro com a cara dos vilões… Isso muda MUITO a cara de Saint Seiya, já que, não podemos negar, o anime e o mangá sempre foram muito marcados pela depressão e o pessimismo dos cavaleiros.

saint-seiya-saintia-sho-empoderamento-feminino-3

Além disso, o fato de a história se encaixar entre as sagas de Gêmeos e Poseidon traz à tona a participação de vários cavaleiros dos clássicos. Inclusive Saori aparece já no primeiro capítulo, mostrando algo bem incomum no universo dos animes: deuses indo para a escola. Isso mesmo! Você nunca parou para pensar nos animes em que os personagens em idade escolar não frequentam as escolas e não possuem um dia a dia comum. Isso fez lembrar um pouco o Ômega, o que sinceramente agrada bastante.

saint-seiya-saintia-sho-empoderamento-feminino-6

Outro ponto legal é a aparição dos Dryads, vilões comandados por Éris, a deusa da discórdia que apareceu em filmes. Mais uma vez, marcando presença dos personagens clássicos – e marcando pontos com os fãs o/

saint-seiya-saintia-sho-empoderamento-feminino

A respeito do visual, os desenhos foram feitos por Kuori Shimaki, responsável pela arte de alguns mangás da franquia Gundam no Japão. O traço é bem simples e limpo, assemelhando-se, inclusive, aos traços de Shingo Araki e Shiori Teshirogui. Por isso há uma grande semelhança com o anime – e além disso, a armadura de Equuleus é basicamente a mesma de Seiya (QUALQUER SEMELHANÇA ERA MERA COINCIDÊNCIA, LEMBRA?) mas com a adição de uma saia xD

saint-seiya-saintia-sho-empoderamento-feminino-5

Conclusões

O mangá é uma ótima opção para quem curte a saga Saint Seiya, pois é bem objetiva e mais curta que as demais – uma vez que se trata de um spin-off. A protagonista é uma personagem feminina forte e muito entusiasmada, o que acaba dando uma nova feição à história. 🙂

Saint Seiya: Saintia Sho foi escrito e ilustrado por Chimaki Kuori e publicado pela editora Akita Shoten na revista Champion Red. Recentemente, foi um dos títulos adquiridos pela editora JBC 🙂

saint-seiya-saintia-sho-empoderamento-feminino-1

Quem escreve? Mindy (Yasmim Alvarez)

Cosplayer e graduanda em Direito. Amante de World of Warcraft e Ragnarok, invencível no Super SmashBros, Batman-lover e fã de carteirinha da Princesa Zelda. Queria ser a toda-poderosa Sailor Moon (ou até mesmo a Princess Serenity) mas se contenta com a forma comum da Usagi.