Sabe o valor das casas de Sailor Moon e outros animes?

sailor moon -capa

Personagens de anime, em resumo, são um bando de burguês safado!

Muitos dos personagens mais famosos dos animes vivem em casas nem um pouco humildes no Japão. Sailor Moon tem excelentes exemplos disso. De acordo com a página Nico Nico News, SOW, autor de diversas light novels soltou uma série de tweets em que tenta avaliar as casas de diversos personagens de anime ao compará-las com o valor real de algumas casas comuns no Japão.

Um dos exemplos apresentados por ele é a residência da família em Sazae-san, um dos mais icônicos desenhos japoneses. Uma casa daquele tamanho, capaz de hospedar duas gerações inteiras da família, no bairro de Setagaya, em Tóquio, custaria hoje cerca de 1.3 milhões de dólares (mais de 5 milhões de reais na cotação atual).

A residência Nobi de Doraemon é uma casa “normal” no estilo dos anos 1970. De acordo com SOW, uma casa de dois andares como ela, na região de Nerima em Tóquio, custaria aproximadamente 616 mil dólares (aproximadamente R$2.368.643,20). Mesmo se a casa fosse alugada, o aluguel seria de aproximadamente 1.400 dólares (R$5.383,28).

sm 1

Shinnosuke de Crayon Shin-chan vive em Kasukabe, prefeitura de Saitama. Em média, uma casa daquele tamanho custa cerca de 176 mil dólares (mais de 675 mil reais), de acordo com SOW. Ele afirma também que como a mãe de Shinnosuke trabalha em casa e a família tem um carro, o pai deve ganhar bem.

sm 2

Usagi, de Sailor Moon, vive em Azabu-Juban, em Tóquio. SOW afirma que uma casa individual, com jardim e daquele tamanho, nesta região, vale cerca de 4 milhões de dólares (mais de 15,3 milhões de reais). Além disso, diferente do Brasil, as residências e terrenos no Japão hoje estão mais baratos do que nas décadas passadas, de forma que no lançamento de Sailor Moon, a residência da família de Usagi era ainda mais cara.

sm 3

SOW ainda apontou que como Tóquio é uma região muito cara, atualmente muitos personagens acabam sendo apresentados como vivendo nas regiões próximas da capital. Outra diferença apontada é o fato de que as famílias daquela época tinham uma “estrutura clássica” com o marido como provedor do lar, e que hoje em dia é mais comum ver personagens vivendo sozinhos, sem outros membros de suas famílias.


Fonte: Kotaku

Quem escreve? Liao

Débora é musicista, pesquisadora e otaku (não fedida, prometo). 1/3 gamer, 100% sonserina. A alcunha de Liao veio de um site aleatório de geração de nomes japoneses (Liao é chinês, mas tudo bem).