Resenha: Coin Laundry Lady, a menina da lavanderia

coin-laundry-lady-jbc-mangá

Seria esta uma história de terror? Ou de comédia?

JBC passou a serializar Coin Laundry Lady recentemente, e em poucas semanas de vida este mangá se tornou incrivelmente POLÊMICO.

coin-laundry-lady-01

Para contextualizar a situação, Coin Laundry Lady é do mesmo autor de Another, o famoso mangá de terror que posteriormente se tornou anime, que retrata mortes bizarríssimas no estilo ~premonição~ (e que faz com que você tenha MUITO MEDO de andar perto de guarda-chuvas)

another

Basicamente, Coin Laundry Lady conta a história de Maoko, a misteriosa garota que vive em uma lavanderia (???) e assusta os clientes que lá aparecem para lavar suas roupas. Acontece que dois desses clientes, Haru e Yokoi, acabam fazendo amizade com este estranho ser que mora numa máquina de secar roupas (???).

O mangá é uma sátira a filmes de terror clichês que sempre são lançados (e sempre acabam desenvolvendo a mesma trama) e, como uma sátira, usa e abusa da comédia (e da ironia). E essa mistura ficou um tanto… estranha.

Evidente sátira de "O Chamado"

Evidente sátira de “O Chamado”

O primeiro ponto de estranheza, ao menos para mim, foi o nome dos capítulos: “Sabia que era taça A!” e “Tsundere” são os dois primeiros do mangá, e eu fiquei com cara de interrogação.

coin-laundry-lady-02

E aí caímos na mesma história do My Hero Academia Smash!!, em que a divergência entre o humor japonês e o brasileiro acabam interferindo na leitura. Algumas piadas não fizeram muito sentido, enquanto outras até fizeram, mas não causaram grandes risadas.

A personagem acaba ficando num dualismo tão grande entre a conduta de assustar os coleguinhas e a outra de ser totalmente hilária, que a história acabou ficando em segundo plano, perdendo o protagonismo para as piadas. O autor buscou explicar o roteiro ao final, dizendo que as histórias sobre Maoko eram publicadas de forma irregular pela revista Shojo Beans. Talvez por isso a narrativa tenha sido tão afetada.

De qualquer forma, a personagem principal não deixa de ser interessante, ainda que sua forma de agir seja totalmente diferente e sempre inusitada.

coin-laundry-lady-04

A arte do mangá é bem parecida com aquela encontrada em Another: como sempre, o mangaká caprichou bastante nos tons sombrios que a história busca satirizar, focando muito mais nas personagens e deixando as paisagens e fundos de lado (afinal, estamos em uma lavanderia, nada além das máquinas importa! o/)

Uma das raras cenas de paisagem no mangá

Uma das raras cenas de paisagem no mangá

Arte dos personagens

Arte dos personagens

Se você curte histórias de terror e humor japonês, este mangá é para você 😀

 

Quem escreve? Mindy (Yasmim Alvarez)

Cosplayer e graduanda em Direito. Amante de World of Warcraft e Ragnarok, invencível no Super SmashBros, Batman-lover e fã de carteirinha da Princesa Zelda. Queria ser a toda-poderosa Sailor Moon (ou até mesmo a Princess Serenity) mas se contenta com a forma comum da Usagi.