Nossa lista com os dez melhores personagens da Pixar

capa- pixar

Confira nosso ranking de personagens mais legais da Pixar!

Quando a Pixar se uniu com a Disney em 1995 para o lançamento de Toy Story, eles elevaram completamente o padrão, não apenas para os filmes de animação para crianças, mas para o cinema como um todo. Suas histórias maravilhosas deixaram uma marca no público por mais de 20 anos, e muito disso se deve aos seus amáveis personagens.

Essa lista então tem como objetivo reunir alguns dos mais memoráveis personagens desenvolvidos pela empresa. Infelizmente não podemos colocar todos (e mesmo que a lista esteja numerada, não quer dizer que um seja mais importante que o outro), mas aqui estão dez dos nossos favoritos:

10. Merida

merida (1)

No décimo lugar da lista está Merida, uma das melhores princesas da história da Disney, de Valente. Não só por representar um tipo diferente de princesa, mas por fugir do estereótipo de garota frágil, uma criança que gosta de sua liberdade e desafia tradições, que é rebelde mas que aprende com seus erros.

9. Edna Moda

Edna Moda

Na nona posição, está Edna Moda de Os Incríveis. Possivelmente a mais divertida personagem do universo Pixar, ninguém consegue explicar melhor do que Edna os motivos pelos quais capas e super-heróis não combinam. Além, é claro, de já ter mostrado ser a melhor babá que um super-herói pode ter.

8. Sully

Sully
Na oitava posição, está Sully, de Monstros S.A. Não deve ser fácil ser um gigante e assustador docinho de coco, mas Sully consegue melhor do que ninguém.

7. Alegria

Alegria
Na sétima posição está Alegria, de Divertida Mente. Se vocês já assistiram a série Parks and Recreation, antão devem ter reconhecido o otimismo inabalável de Leslie Knope na personagem Alegria. E não é apenas uma coincidência, afinal Amy Poehler é a dubladora original da personagem. Ela é implacável em sua luta para manter a protagonista Riley feliz e isso é boa parte do que tornou o filme tão bom.

6. Mike Wazowski

Mike
No sexto lugar está Mike Wazowski. O mais adorável monstro que já existiu, e o cara com maior destaque nas capas de revistas de celebridades do mundo monstro.

5. Buzz Lightyear

BUZZ

Na quinta posição está Buzz Lightyear. No começo, ele é um pouco sério, mas ao perceber que de fato é um brinquedo de criança, o personagem se desenvolve de uma forma que é impossível não se apaixonar. E se ele não fazia seu tipo, é impossível que a versão espanhola não tenha roubado seu coração <3

4. Dug

Dug
Na quarta posição desse ranking está Dug, de Up – Altas Aventuras. O empolgado e sempre louco para agradar cachorrinho que fez todo mundo desejar que as coleiras tradutoras de cachorro existissem de verdade. Na verdade, se não fosse por ele…- ESQUILO!!!

3. Dory

dory

Em terceira na lista está Dory, de Procurando Nemo. A melhor tradutora de baleiês da Pixar é o melhor exemplo de como ser alguém generoso e sua memória curta é uma das melhores ferramentas de comédia da franquia. Simplificando, ninguém mereceu mais do que ela ganhar seu filme original.

2. Wall-E

wall-e
O segundo colocado na lista é Wall-E. O fato de conseguir fazer o público se apaixonar por um personagem que passa mais de meia hora sem qualquer diálogo é uma prova do quão bem pensado foi o personagem Wall-E. E a partir do momento em que começa a ter contato com os humanos, fica cada vez mais claro que ele parece ter muito mais coração do que todos eles combinados.

1. Xerife Woody

woody

Se o resto da lista pode ter causado certa controvérsia, dificilmente o primeiro colocado fará o mesmo. O melhor personagem da Pixar é o Xerife Woody. Ele é praticamente o Mickey Mouse da Pixar e um dos personagens mais humanos já criados por eles. Seu esforço para superar sua própria inveja, tentando ser um líder positivo com relação aos brinquedos que estão ao seu lado é incrível. Além disso, o personagem é originalmente interpretado pelo Tom Hanks. Quem não gosta do Tom Hanks?

***

E aí? Qual seria a lista de vocês? Comentem pra gente!


Texto traduzido e adaptado da ComicBook.

Quem escreve? Liao

Débora é musicista, pesquisadora e otaku (não fedida, prometo). 1/3 gamer, 100% sonserina. A alcunha de Liao veio de um site aleatório de geração de nomes japoneses (Liao é chinês, mas tudo bem).