Moonlight Drawn by Clouds o drama da “Mulan coreana”!

moonlight-drawn-by-clouds-finale

 

Esta postagem será uma visão geral com opiniões sobre o dorama!

Moonlight Draw by Clouds ou Love in the Moonlight é uma web novel (Gooreumi Geurin Dalbit) escrita por Yoon Yi-Soo  e ilustrada por kk, foi adaptada para televisão pela KBS2.  A produção da Web novel para Drama televisionado, contou com Kim Min-Jung e Im Ye-Jin como escritores que também foram responsáveis por Who Are You: School 2015. O Dorama teve 18 episódios e passava na Coréia do Sul às segundas e terças às 22 hrs, foi exibido do dia 22 de agosto ao 18 de outubro desse ano (2016).mooon

A personagem feminina principal Hong Ra-on é interpretada pela linda da Kim yoo-jung (a menina tem 17 anos, deu uns beijinho no Bo-gum e eu aqui cheia de inveja ,hah). O papel de personagem masculino foi maravilhosamente agraciado ao divoso Park Bo-gum o príncipe Lee Yeong (gente… que homem!), e pra fechar aquele básico triângulo amoroso, temos Jinyoung liderzão do grupo de Kpop B1A4  como o típico papel “boy friendzonado dos dramas” Kim Yoong-sung, enfim tem tanta gente legal nesse drama mas só citarei  esses.

Esse drama me despertou a vontade de assisti-lo pois quando li que a personagem principal se disfarça de homem devido a complexidades  na vida da mesma, eu simplesmente fiquei maravilhada, não perdi tempo e comecei a acompanhar. Fiquei pensando o tempo inteiro na personagem  Mulan, tanto que quando vou citar algo relacionado ao drama para meus amigos eu sempre digo “a mulan coreana”. Mas comparando Mulan com Moonlight a única coisa que é certo dizer  seria somente o fato das personagens se vestirem como o sexo oposto em busca de seus objetivos, e o fato de as duas serem mulheres fortes, pois passar por um tipo de situação na qual as personagens vivenciam em suas respectivas histórias não é fácil.

moon4

Moonlight drawn by clouds já começa com Ra-on sendo “menino”, na verdade a personagem nunca teve a opção de se passar por menina, seu gênero original, é complicado de primeira tentar compreender o por que de a mãe dela obriga-la  a se trans-vestir, porém é só ter calma que as informações serão soltas aos poucos durante o drama.

Todo drama tem aqueles clichês bem básicos, obviamente moonlight  não podia ficar de fora da listinha de clichês tais como piggyback (carregar a donzela nas costas), Boy rico + Garota pobre e etc… Porém em alguns momentos da trama que você acha que vai rolar o maior “clichezão” do tipo a garota ser sequestrada e ninguém notar, tem-se uma surpresa, ela não é sequestrada pois o bofe estava lá analisando toda a situação, e sem querer esse não clichê acaba se tornando clichê, haha !Sei que é complicado mas é assim mesmo. O dorama tem um monte de situações desse tipo, “ vai acontecer, mas não vai acontecer e acontece”.

moon3

Galera, o drama é histórico , se passa no século 19 na Dinastia Joseon lá na Coreia do Sul,o que resulta em um dorama com características daquela época, roupa, cultura, política e etc. Se tratando de um dorama histórico e a personagem se trans-vestir, a pergunta que deve se passar na cabeça de todos quando escutam sobre o plot da história deve ser “como o casal principal ficará junto?” ou “como o personagem masculino (no caso um príncipe) descobrirá a verdade sobre a mocinha ?”. Eu fiquei fazendo esse tipo de pergunta e foi por isso que tive vontade de assistir ao drama. Normalmente o personagem maculino principal, pegando o exemplo de Mulan, trata a Ra-on (personagem feminina) como um servente normal pois não sabe que “ele” na verdade é “ela”, mas diferentemente de Mulan, Lee Yeong(Park Bo-gum) se apaixona por Ra-on sem saber da verdade sobre ela. Achei digno essa parte, pois passa a mensagem de que não importa o gênero mas sim o amor, o sentimento para com o próximo. Algumas vezes eu ri pois o personagem tentava enganar-se “dizendo” que não estava apaixonado por um homem mas antes de descobrir sobre Ra-on ele já havia tomado a decisão de se declarar.

Ra-on antes de ser vendida ao palácio para trabalhar como servente (eunuco), escrevia livros e resolvia problema de relacionamento de outras pessoas, tipo uma “guru”. Em um de seus trabalhos ela acaba se passando por seu cliente que estava afim da princesa e encontra o príncipe, mas somente depois ela descobre quem ele realmente era. A cena primeira cena deles é realmente muito engraçada. Quando a Ra-on é vendida para ser “servo” no palácio é uma parte um tanto quanto perturbadora, pois todo servo é castrado e ela não é do sexo masculino então fiquei apreensiva e ansiosa para descobrir como ela sairia dessa, e por sinal super bem essa é uma trambiqueira nata!  Quando ela finalmente  entra no palácio para fazer os exames de admissão, por mais que ela tente ser reprovada ela não consegue, essa parte não irei comentar mais pois é engraçada e não quero estragar. O drama inteiro é aquela dor de cabeça, toda hora a verdade por debaixo dos panos de Ra-on está sempre em jogo.

moon1

Em termos de personagens secundários esse foi um drama que não reclamei muito sobre, pois eles quase não interromperam a relação dos principais. Eles tinham consciência que nunca iriam ser amados pelos mesmos mas mesmo assim só queriam vê-los felizes mesmo que tivessem que abrir mão da própria felicidade. Yoong-sung (Jinyoung) por diversas vezes fez o favor de contorcer meu coração  toda vez que ele aparecia, pois ele é um personagem tão bom tão caridoso que deu muito dó de ver ele na friendzone (era pra KBS ter me contratado eu ia fazer um ótimo trabalho deixando ele feliz).

Pausa para uma coisa bem importante… Kwak Dong-yeon como o BFF e escudeiro do príncipe Kim Byung-yeon, gente… muito lindo, nossa! Esse foi outro que tomou várias pancadas emocionais e físicas nesse drama, por favor comentem a opinião de vocês sobre esse ser divino, pois eu estou sem palavras,muito maravilhoso esse ator e personagem!

Falando em tapas eu realmente perdi a noção de quantos tapas Ra-on levou, meu rosto está queimando só de lembrar dos tapas! Chae Soo-bin a atriz que fez Jo Há-yeon, a personagem que quase casa com o príncipe tem um ótimo coração também, de primeira eu a insultei muito pois ela aparecia a onde  não devia, porém com o passar da história eu pude perceber o tipo de pessoa que ela era e fiquei até um pouco (só um pouco, porque eu tenho um coração de pedra para secundários) com pena do coração quebrado dela, ela realmente não merecia, e estava quase se casando com alguém que nunca a amaria simplesmente para ajudá-lo, e até aceitava o fato de ele querer outra mulher… Essa é forte!

moon2

Pessoal, o drama é maravilhoso. Quanto a OST (original soundtrack), o drama não deixa a desejar, com música Gummy, Park Bo-gum… Os locais de gravação, cenários, fotografia… é tudo lindo. Enfim, eu quis fazer um comentário geral sobre o Dorama pois queria expor minhas visões sobre pequenos detalhes, não dei grandes spoilers para não perder a graça. Aconselho a todos a assistirem e discutirem sobre o drama comigo!

Link da novel (em coreano)

Quem escreve? Bonie

Atendendo por Bonie, sou super apaixonada pelo lado oriental da força, estudante de Relações Internacionais . Viciada em cultura asiática em geral,animes,mangás, live-actions,Doramas, Kpop, e como já dizia a filósofa Lady Gaga" HARRY POTTER is my virtue and THE LORD OF RINGS is the demon I claim to".