A Lucasfilm não deixou Wifi-Ralph fazer piadinhas com Kylo Ren

Ralph

Ninguém mexe com o Kylo!

“Wi-Fi Ralph: Quebrando a Internet”, apesar de ter um nome horrível em sua adaptação para o português, promete ser muito divertido. Misturar diversos ícones da cultura pop em um revolto mar da internet e retirar dessa mistura uma animação de comédia exige dos roteiristas que não levem nada muito a sério. Mas ainda assim, o filme não pode fazer piada com um tema bastante específico.

Em entrevista recente à IGN, o diretor Rich Moore disse que um personagem em específico foi considerado como fora dos limites para piadas pelo filme: Kylo Ren. O assustador e complicado vilão da saga mais recente dos filmes de Star Wars. Moore afirmou:

Em um momento, resolvemos fazer uma piada sobre Kylo Ren ser um garoto mimado. Então fomos até a Lucasfilm e dissemos ‘é isso que estamos fazendo’. E eles responderam, bem, que preferiam que não o mostrássemos como uma criança mimada. Você sabe, ‘ele é o nosso vilão e nós preferimos que vocês não façam isso’. Então resolvemos respeitar isso.

Kylo Ren

Kylo Ren

Ainda que isso não seja uma grande mudança, isso mostra que mesmo em um dos mais divertidos crossovers de todos os tempos, alguns conglomerados de mídia continuam tratando suas propriedades como sagradas. Provavelmente também não devemos esperar piadas sobre a terrível barbicha de Tony Stark no filme…

Apesar disso, falamos um pouco sobre o Kylo neste post sobre masculinidade fraturada que talvez dê a vocês leitores um pouco da visão que a Lucafilm tem sobre o personagem.

Wi-fi Ralph tem 21 datas de lançamento previstas ao redor do mundo. Apesar de sair nos EUA no dia 21 de novembro, o lançamento no Brasil está previsto apenas para o dia 03 de janeiro de 2019.


Fonte: io9.

Quem escreve? Liao

Débora é musicista, pesquisadora e otaku (não fedida, prometo). 1/3 gamer, 100% sonserina. A alcunha de Liao veio de um site aleatório de geração de nomes japoneses (Liao é chinês, mas tudo bem).