Jogo explora a dinâmica dos relacionamentos tóxicos!

i-woke-up-next-to-you-jogo-pc-relacionamentos-tóxicos-1

Precisamos conversar sobre isso!

Como cair em um hábito antigo, eu volto. Não porque eu preciso de você. Nem porque eu quero você. Mas porque eu não consigo me recompor e abandonar o que é fácil e seguro.

I Woke Up Next To You Again é um jogo para PC, Mac e Linux (disponível aqui) que explora a ideia de um caso de uma noite (o famoso one night stand) que se transforma em duas, três, quatro… e então, em um vício – não a uma substância, mas a alguém que oferece conforto e segurança, principalmente dentro da sociedade em que vivemos hoje em dia. Aproveito para frisar que o jogo aborda relacionamentos tóxicos – não necessariamente os abusivos, mas aqueles baseados na necessidade, que às vezes se torna em um desgaste de energia.

S I M, relacionamentos podem ser viciantes, especialmente porque eles não fazem sentido. Você só sente, ponto.

i-woke-up-next-to-you-jogo-pc-relacionamentos-tóxicos-1

O jogo começa com você, o protagonista, acordando perto da pessoa amada pela segunda vez. À medida em que o personagem abre os olhos, é cumprimentado por uma pessoa bem bonita. E então você descobre a dinâmica do game: você decide ir embora ou oferecer um café da manhã? CUIDADO! A escolha pode mudar sua vida (e não me refiro somente ao jogo!).

Ah! Você pode escolher ser um homem ou uma mulher!

i-woke-up-next-to-you-jogo-pc-relacionamentos-tóxicos-4

Todo o cenário do game é feito de traços de sketches (desenhos, rascunhos), tudo bem leve, em tons de preto e branco. É claro, isso é totalmente proposital: contrasta com a energia emanada pela pessoa amada. E por isso, quando você está ali jogando, parece tão difícil dizer “não” quanto se você estivesse na pele do personagem. Existe, sim, a opção de ser mais frio, mais distante, mas é incrível como toda a atmosfera do game faz você sentir que você não quer magoar aquela pessoa! E então você se vê ali, rendendo-se à pessoa que parece ser o centro da sua vida. P A R E C E.

i-woke-up-next-to-you-jogo-pc-relacionamentos-tóxicos-2

Conforme o jogo avança, você começa a frequentar eventos, lugares, socializando com a galera. E, novamente, você se depara com novas escolhas. As mais suaves e compassivas sofrem um efeito bem interessante: a tela escurece, se contrai, como se a mente do personagem principal não conseguisse processar o que está acontecendo. Se você tem algum vício, você sabe do que estou falando. Se você não tem… bom. Imagine que você passou o dia todo morrendo de sede e não tinha água à disposição. Finalmente você encontra um copo d’água e tem uma pessoa falando com você sobre algo importante. Mas quando a água encosta na sua boca, é como se tudo parasse, ficasse embaçado, e você só sentisse a água descendo. Nem escuta direito o que foi dito… Pois é.

E, surpreendentemente, quando você faz escolhas no sentido de deixar pra lá, jogar tudo para o alto, deixar com que novas pessoas entrem em sua vida, o cenário muda: em vez de tudo preto e branco e apenas uma pessoa colorida, o mundo inteiro começa a se colorir e ficar mais vibrante.

i-woke-up-next-to-you-jogo-pc-relacionamentos-tóxicos-3

O game é bem curtinho (aproximadamente 15-20 minutos), mas já faz MUITO neste curto tempo. Ele desafia a ideia de que relacionamentos são sempre intencionais: você conhece uma pessoa X, gosta dela, convive com ela, e então decide arriscar uma aventura amorosa, se apaixonam, se relacionam, e assim sucessivamente. MAS os relacionamentos podem, sim, ser acidentais, casuais. E no caso do jogo, a relação amorosa (e também a sexual) começa a substituir a família, os amigos, compromissos sociais… e BUM! Você está em um relacionamento tóxico! E PASME: não porque alguém está te obrigando a ficar ali, seja fisicamente, seja emocionalmente, seja através de manipulação (até porque neste caso seria um relacionamento abusivo), mas porque você não consegue ser honesto consigo mesmo e com seus sentimentos.

Confira um curto vídeo do game:

O jogo não traz respostas, ele apenas aborda de forma bem diferente toda essa situação que muitas vezes não é visualizada por quem está dentro do relacionamento. Pode ser que você tenha uma experiência dolorosa jogando, mas prometo: será valiosa também!

Quem escreve? Mindy (Yasmim Alvarez)

Cosplayer e graduanda em Direito. Amante de World of Warcraft, invencível no Super SmashBros, Batman-lover e fã de carteirinha da Princesa Zelda. Queria ser a toda-poderosa Sailor Moon, mas se contenta em ser apenas uma princesa da Disney nas horas vagas