Dica de livro para quem curte a mistura de mistério e fantasia: Sereia

30546305_1632919480091317_1999025739_o

Sereia, da autora Tricia Rayburn, é um livro justamente sobre essas criaturas mitológicas e é o primeiro livro de uma trilogia. Nele conhecemos Vanessa Sand, uma garota de 17 anos que tem medo de tudo, incluindo do mar, mas graças a sua irmã mais velha, Justine, ela consegue superar um pouco esses medos.

Quando passavam o verão em sua casa em Winter Harbor, sua irmã morre ao pular de um penhasco. Então seus pais decidem voltar para Boston, mas Vanessa não acredita que foi um acidente e começa a investigar o que aconteceu. Na sequência, uma série de ‘afogamentos’ acontecem na cidade, aumentando ainda mais as suspeitas de que algo horrível está acontecendo.

sereia-livro

Vanessa tem ajuda de Simon, o garoto fofo que mora na casa ao lado da deles na cidade, mas ele também está buscando respostas já que seu irmão Caleb, o namorado de Justine, desapareceu depois que ela morreu. Então ambos se ajudam a entender o que está acontecendo e tentam descobrir onde garoto está.

A história é bem elaborada, sempre deixando um mistério se as sereias existem mesmo, ou se Vanessa está exagerando em sua investigação. O suspense de tudo o que está acontecendo e aconteceu fica até o último minuto, deixando ansioso quem lê. É difícil largar o livro, pois tudo o que você quer é respostas.

É legal ver a evolução de Vanessa, pois quanto mais ela se aprofunda nessa investigação, mais ela se conhece e ganha forças para continuar com o que está fazendo. Como esse é o primeiro livro, não dá para ter uma ideia de quanto ela mudou, mas é notável que ela evoluiu, sim, e está se tornando uma mulher cada vez mais decidida do que quer.

O final do livro pode ser um pouco previsível, confesso que não me surpreendeu muito no geral, mas as pontas soltas para os próximos volumes instigam a querer mais. Claramente o mistério não acabou por ali e ainda tem muito o que investigar e descobrir.

sereia-trilogia

Um fato que achei muito legal é que as sereias aqui não são descritas como seres amigáveis, elas estão mais para os contos ‘originais’, nos quais elas são mais malignas, por assim dizer. É bom sair um pouco do mundo romântico delas.

Recomendo a leitura desse livro, e caso goste desse tipo de leitura, procure o box com a trilogia completa, assim já descobre tudo de uma vez! Mas cuidado para não se assustar com os olhos da sereia na capa, pois eles refletem mesmo, e dão um ar meio sombrio.

Quem escreve? Gabi Orsini

Aspirante a jornalista e bailarina. Conversa até com poste e acha que sabe cantar. Desde que descobriram que é uma sereia, não esconde mais isso. Ama tirar fotos e por o pé na estrada. Tem o dom de ler em qualquer hora e lugar. Sonserina sim.