Como seriam os heróis se fossem “cientificamente acurados”?

A-Ciência-dos-Super-Heróis-destaque

Saiba mais sobre a exposição “A ciência dos super-heróis” que rolou no FIQ

Já imaginou como seriam os super-heróis das suas HQs favoritas, se eles tivessem sido criados de acordo com os conceitos científicos? Pois um grupo de cientistas e quadrinistas se reuniu para fazer releituras da Mulher Invisível, do Flash, do Homem Aranha, do Hulk e do Homem de Ferro, de forma cientificamente correta.A-Ciência-dos-Super-Heróis(2)

Este é o objetivo da exposição “A ciência dos super-heróis”, uma das quatro mostras que puderam ser vistas no Festival Internacional de Quadrinhos – FIQ 2015. (Você pode conferir também como foi a exposição Heróica. E ainda a entrevista exclusiva para o Garotas Geeks da grande convidada internacional do FIQ, a roteirista Gail Simone).

Ciência-dos-SuperHeróis(4)

Para trazer alguns conceitos científicos atuais e tentar pensar famosos heróis dos quadrinhos à luz da ciência e com tecnologia plausível, foi reunida uma super-equipe de desenhistas, coloristas e cientistas. Os artistas que aceitaram este desafio foram Márcio Fiorito, Eduardo Pansica, Rodney Buchemi, Júlio Ferreira e Cris Bolson (desenhos), e Giovanna Guimarães (cores do Flash e da Mulher Invisível). O time das ciências foi composto pelos integrantes do portal Science Blogs Brasil e do podcast Dragões de Garagem: Cristiano Silvério Neiva, Gabriel Cunha, Luciano Lopes Queiroz, Luiz Bento, Patrick Simões Dias e Vítor Nascimento.

Prepare-se! Você vai se surpreender com as novas versões dos personagens criadas pelos participantes da exposição!

Ciência-dos-Super-Heróis(7)

CiênciadosSuperHeróis(8)

Para conseguir subir pelas paredes , o Homem Aranha deveria ter pés e braços peludos, assim como as aranhas. Já o senso de aranha, viria destes mesmos pelos, mas localizados no pescoço, que perceberiam alterações ambientais. E nada de luvas e botas, pois os pelos precisam ter contato com a superfície. O Amigo da Vizinhança também passaria a ter olhos compostos, como os aracnídeos.

Ciência-dos-Super-Heróis(14)

Ciência-dos-Super-Heróis(15)

Para ser o homem mais rápido do mundo, o Flash precisaria ser adaptado como o guepardo: ter pequenas garras nas mãos para dar atrito (ok, luvas) e correr de quatro, além de ter o crânio alongado e um tanto esponjoso para aguentar o tranco. Quase um Thundercat!

Ciência-dos-Super-Heróis(11)

Hulk

Para ter força sobre-humana, o Hulk precisaria ser praticamente um homem planta: verde de cloroplastos para ter energia (sim, esse Hulk faz fotossíntese!) e a boca de planta carnívora para ingerir todo o alimento necessário. E ainda a postura de um gorila, para ser capaz de suportar o peso dos próprios músculos.

Ciência-dos-Super-Heróis(5)

Ciência-dos-Super-Heróis(6)

A releitura da Mulher Invisível é a minha favorita. Sue Storm precisaria ter pele como a de um polvo, para ter o poder de mimetizar. Para manter sua pele sempre úmida, um traje especial, que também refrata à luz num feixe de onda imperceptível aos olhos. Para emitir o campo de força, uma bateria especial na mochila e emissores nas luvas. Genial!

Ciência-dos-Super-Heróis(10)

O invencível Homem de Ferro, precisaria ter uma equipe de Ferro para conseguir usar tanta tecnologia, ter armadura resistente e conseguir voar. E nada de reator no peito!

Ufa! Como vocês podem perceber, ainda bem que as histórias em quadrinhos optaram por não ser cientificamente corretas. Os artistas deixaram a criatividade livre e fizeram personagens bem mais interessantes de se ler!

Quem escreve? Luciana

Jornalista, Relações Públicas, Especialista em Gestão da Comunicação e Mestra em Análise do Discurso. Rpgista de longa data, trekker (Vida longa e próspera!) e whovian (Allons-y!)... Gosto da natureza, de literatura, HQs, cinema, séries de TV, rpg, board games, de música boa (rock and roll) e de nerdices em geral! Adoro preparar quitutes e receber os amigos. Insisto em ser feliz e sou altamente convivível! E amo o Leo - o maridão e personal-particular-chef!!!