Cinco histórias do Universo Harry Potter que poderiam ser tão boas ou melhores que Animais Fantásticos

fantastic_beasts2_capa

É hora de polêmica!

No último final de semana, o segundo filme da série Animais Fantásticos, Os Crimes de Grindelwald chegou aos cinemas. Apesar de o filme ter previsão de arrecadação gigantesca, ele vem recebendo críticas por sua linha de tempo confusa, estereótipos raciais problemáticos e pelas inúmeras mudanças no universo canon de Harry Potter.

Para alguns, porém, a maior falha do filme foi a escolha do personagem central da história, Newt Scamander. Apesar de interpretado pelo maravilhoso Eddie Redmayne, o tímido magizoólogo, dentro do imenso universo mágico não parece ter sido a melhor escolha para protagonista de uma série de cinco filmes e, segundo essas críticas, Scamander é um personagem pouco marcante, que os filmes tentam tornar em alguém importante com pequenas reviravoltas. Eu discordo veementemente disso (Newt é possivelmente meu personagem preferido de toda a saga HP), mas todo mundo tem direito a uma opinião, não é mesmo? Entendo parte da crítica como sendo uma forma de dizer que o Newt foge bastante daquele típico herói bruxo e acabam forçando um pouco a barra pra manter ele como protagonista-herói, sendo que se for observar bem ele é só um cara comum e simples mesmo – mas o contrário também acontece né, Neville?

Depois da nossa lista de 8 livros de HP que poderiam virar filmes, listamos então, para agradar gregos e troianos, cinco possíveis spin-offs de Harry Potter que poderiam ser tão ou mais interessantes que as aventuras de Newt.

1 – Os Marotos

Os Marotos têm fascinado os fãs de Harry Potter desde o Prisioneiro de Azkaban, quando os gêmeos Weasley deram a Harry o mapa encantado para exploração dos salões de Hogwarts. O quarteto era formado por alguns dos mais interessantes personagens da franquia, Aluado (Remo Lupin), Pontas (Tiago Potter), Almofadinhas (Sirius Black) e Rabicho (Pedro Pettigrew). Não apenas seria possível explorar as aventuras desse quarteto memorável, como também trazer um jovem Snape como antagonista do grupo. Além disso, a história de amor entre Lily e Tiago poderia finalmente ser explorada a fundo. É uma pena que ainda não tenhamos um filme sobre o grupo de bruxos rebeldes.

2 – Os Jovens Aurores

Alastor “Olho-tonto” Moody (Brendan Gleeson) era um dos mais notáveis aurores do mundo mágico, tendo derrotado incontáveis bruxos das trevas ao lado da Ordem da Fênix durante as duas primeiras guerras bruxas. Porque não fazer um filme no estilo “Os Intocáveis” sobre Moody se juntando aos aurores e recrutando um time com os maiores bruxos de sua época para o Ministério da Magia? O próprio filho de Brendan Gleeson, Domhnall seria uma ótima escolha para interpretar a versão jovem do bruxo, apesar de já ter interpretado Gui Weasley no final da franquia original.

3 – A vida e amores de Minerva McGonagall

A amada professora de transfiguração é uma das personagens favoritas dos fãs, e possui um passado trágico. Minerva é filha de um trouxa chamado Robert McGonagall e uma bruxa, Isobel Ross, que abriu mão de seus poderes mágicos ao se casar no mundo trouxa. Após se formar em Hogwarts, ela veio a se apaixonar por Dougal McGregor, um trouxa que chegou a pedi-la em casamento. Minerva por pouco não se casou, mas percebeu que não poderia abrir mão de seu lado mágico. Drama e um romance fadado ao fracasso nas terras altas da Escócia? Seria um gigantesco SIM!

4 – Um filme sobre um time azarão superando as expectativas no Campeonato Mundial de Quadribol

Nem todo filme baseado no universo bruxo precisa contar a história de como o mundo foi salvo. Há sim espaço para histórias mais leves, como comédias românticas, contos históricos e até mesmo para filmes de esportes. O filme poderia contar a história de um grupo não-convencional de bruxos e sobre como sua união os levou a se tornarem campeões mundiais de quadribol. Quem sabe talvez a história de uma jovem que quer jogar quadribol contra a vontade de seus pais em busca de seu sonho? Nesse ponto, tudo é possível, e eu definitivamente adoraria ver um filme de esportes nesse estilo.

5 – A vida de um aborto

Os “abortos” (bruxos que não possuem habilidades mágicas) são sempre relegados aos trabalhos menos empolgantes no universo de Harry Potter. Sra. Figg e o Sr. Filch são exemplos disso. Mas certamente há de existir “abortos” por aí que superaram a sua falta de poderes para fazer a diferença no mundo dos magos. Seria interessante ver um personagem estilo MacGyver utilizar sua falta de magia como uma qualidade para desafiar todas as expectativas.


Post traduzido e adaptado do TheMarySue.

Quem escreve? Liao

Débora é musicista, pesquisadora e otaku (não fedida, prometo). 1/3 gamer, 100% sonserina. A alcunha de Liao veio de um site aleatório de geração de nomes japoneses (Liao é chinês, mas tudo bem).