A tocante e profunda história de 5 Centimeters Per Second

Anime Filme 5 Centimeters Per Second

Olá, boys and girls!
O post dessa semana está emocional, romântico e muito artístico!

Alerta: caso você esteja na deprê ou de coração partido, prepare a caixinha de lenços!

5 Centimeters Per Second é um longa metragem em animação, com duração de 63 minutos, produzido por Makoto Shinkai e exibido nos cinemas em 3 de março de 2007 (sendo lançado em DVD em 19 de julho do mesmo ano). Há também um livro que estende a história e também uma adaptação em mangá ilustrada por Seike Yukiko.

Anime Filme 5 Centimeters Per Second

 

Senta que lá vem história…

O longa é divido em três partes: Cherry Blossom, Cosmonaut e 5 Centimeters Per Second. A película começa em algum ponto dos anos 90 até dias mais modernos e nela acompanhamos a história de Takaki Tono, que ainda está na escola primária e faz amizade com a aluna recém transferida Akari Shinohara. Por terem gostos e preferências similiares, ambos se tornam muito ligados e muito íntimos. Um exemplo é que ambos se chamam pelo primeiro nome – para quem não conhece a cultura, é preciso explicar que os japoneses são extremamente cuidadosos no relacionamento interpessoal sempre chamando as pessoas pelo sobrenome e acrescentando pronomes de tratamento como “chan”, “kun”, “san” e “sama” que variam de acordo com a classe, idade e posição social dos falantes envolvidos.
Só é possível chamar alguém diretamente pelo primeiro nome no Japão se houver muita intimidade no relacionamento; seja ele romântico ou apenas amigável – portanto, Takaki e Akari se chamam pelo primeiro nome, sem formalidades, e por esse relacionamento bem próximo, os coleguinhas da escola de ambos começam a fazer piadas dizendo que ambos seriam namorados. (*tá namorando! Tá namorando!* ¬¬)

5.Centimeters.Per.Second.full.108165

Os dois crescem juntos na escola, porém, antes de chegarem aos últimos anos dos estudos, Akari acaba se mudando para outra cidade por causa do trabalho de seus pais, ocasionando a separação dos amigos tão apegados. A partir daí, eles começam a se comunicar por cartas, mas eventualmente a comunicação vai ficando mais esporádica com o tempo. Em seu último ano na escola, Takaki acaba sendo informado pelos pais que eles também irão se mudar de Tóquio para uma cidade chamada Kagoshima e isso iria mais do que dobrar a distância entre ele e Akari. Sendo assim, o garoto decide fazer uma viagem de trem e ir visitar a garota já que dali pra frente ficaria praticamente impossível para eles se verem novamente. A viagem é feita durante o inverno e é normal ocorrer o atraso de trens no Japão nessa época do ano devido às nevascas.
E é justamente isso o que acontece com o trem de Takaki: o horário previsto de chegada seria às 19 horas, porém com os atrasos, ele só consegue chegar após as 11 da noite. Mas, mesmo assim, Akari estava esperando por ele na estação e em meio a uma caminhada cheia de sentimentos pela neve, os dois têm seu primeiro beijo e Takaki percebe que talvez ele e Akari nunca mais se vejam novamente.
(a partir daí, pegue a caixinha de lenços)

Anime Filme 5 Centimeters Per Second

Eu adoraria escrever sobre as outras duas partes do filme, mas não quero dar mais “spoilers” sobre a história e acredito que vocês deveriam assisti-la com os próprios olhos.
Uma das características do artístico japonês deste filme é a grande carga sentimentalista presente em praticamente tudo o que é feito por lá. Quem acompanha animes e mangás sabe bem que mesmo em histórias de lutas, super heróis e vilões, sempre há aquele momento emocional, normalmente um flashback, para conhecermos as amarguras e outras experiências dos personagens; algo que lhes confere (entre outras coisas) profundidade. E esse é o tema real do filme: certas coisas são excessivamente importantes para que o tempo consiga apagar.

5.Centimeters.Per.Second.full.525871

Normalmente estamos acostumados a ver no cinema extraordinárias histórias de amor; casais que são separados mas depois de anos conseguem ficar juntos novamente, mas Takaki e Akari não pertencem a esse grupo, eles se encaixam na principal categoria de todas: a vida como ela é (Nelson Rodrigues feelings xD).

Anime Filme 5 Centimeters Per Second

Nem tudo na vida sai do modo como a gente quer e quando o assunto é o coração a probabilidade é menor ainda e por vezes saímos marcados até mesmo por coisas simples – um gesto, uma frase, uma música, uma imagem, um cheiro – qualquer coisa pode ficar gravado na memória e também na alma como uma lembrança carregada pelo resto da vida. Esta é a principal beleza de 5 Centimeters Per Second: a profundidade de coisas simples que nos afetam e moldam quem nós somos. Toda a vida de Takaki é afetada por aquele amor de infância, fato que justifica grande parte de sua personalidade e escolhas futuras.

Falando de arte…

A arte é belíssima. O filme tem uma animação excelente no estilo seinen (que é aquele mangá mais adulto que possui um traço mais próximo da realidade) – ou seja nada de cabelos coloridos ou olhos gigantes. Em várias cenas, a arte do cenário é o destaque com céus estrelados, neve caindo em uma vasta imensidão branca ou pétalas de cerejeiras (um dos símbolos do Japão) sendo levadas pelo vento e caindo a uma velocidade de 5 centímetros por segundo. Nessas cenas é perceptível que o importante são as cores e o movimento, induzindo o telespectador a um mergulho profundo na auto análise com questionamentos do tipo: “quando foi a última vez que parei para observar o céu ou a mudança de estações?”.

Anime Filme 5 Centimeters Per Second

 

Falando de música…

Aliada à animação, vem a trilha sonora composta pelo artista Tenmon que já havia trabalhado com o diretor Shinkai em películas anteriores. O filme apresenta um trilha baseada em violão e piano bem melódicos que marcam o sentimentalismo da história e dão seu toque de personalidade às cenas, além de ter como tema principal a música “One More Time, One More Chance” (que na minha opinião é um dos mais belos temas de longas que eu já tive o prazer de ouvir).
Abaixo vocês podem conferir a versão do filme e (como eu não fiquei feliz só com isso) acrescentei uma versão instrumental de orquestra só pra ver todo mundo chorando de emoção nos comentários!
E pra melhorar, deixo também o link da letra traduzida aqui.

 

Vale a pena, Keyko?

E no fim das contas, 5 Centimeters Per Second é um mergulho sensível e profundo nos mistérios da vida e do caminho doce/amargo do amor em uma animação bem produzida com trilha sonora marcante. Eu confesso que precisei de alguns momentos sozinha para absorver bem todos os aspectos e detalhes da história e seu impacto no telespectador. Posso afirmar com toda certeza que foi uma das melhores indicações que me fizeram na vida e valeu cada segundo em frente da tela.

É possível encontrar o filme completo legendado em português com um pesquisa basiquinha na internet, portanto recomendo que os leitores do GG assistam, ainda mais porque ele tem 63 minutos de duração.
Boa sessão e até a próxima! o/

Quem escreve? Keyko

Tradutora ainda não formada, cantora de aniversário de parente, frustrada por não ter tido um GameBoy na infância. Adora vídeo-games mas é péssima em todos eles. Fundadora do já falecido Flyleaf Brasil e com apenas 5 palavras no vocabulário se acha fluente em japonês. Fica para sempre devendo sua entrada no GG à musa mangaká Ai Yazawa.