7 dicas de animes para quem ama GATOS!

kuruneko
Também saiba sobre a exposição que explica a obsessão dos japoneses por esses lindos felinos <3

Muito antes do Grumpy Cat, Garfield e do Felix, os japoneses estavam retratando gatos em seus trabalhos artísticos! Em contribuição às artes japonesas que envolvem gatos, selecionamos uma lista bacana de animes sobre estes pequenos felinos para assistir e morrer de fofura! <3
Obs: Logo após, tem também uma lista de alguns dos gatos mais bacanas dos animes e uma exposição japonesa para quem venera esses bichinhos.

Sete animes sobre gatos:

1. Chi’s Sweet Home


Chi é uma gatinha hiper fofinha que se perdeu da mãe e é adotada por uma família pra lá de engraçada. A história se resume em como a família vai aprendendo a lidar com a gatinha e ela com a família. Disso, várias situações tanto cômicas quanto dramáticas surgem para deixar o telespectador super envolvido com a trama, que tem episódios de curta duração: apenas três minutos! A série foi originalmente criada no Japão para ser baixada e assistida no celular, daí a justificativa para o tamanho da animação. E mesmo em 3 minutos por episódio, pode ter certeza que Chi vai conseguir prender e derreter seu coração <3 Esse é um dos meus animes preferidos e ouso dizer que é um dos mais engraçadinhos e fofinhos existentes na internet. Indico pra todo mundo que conheço e não poderia deixar de indicar pra vocês! Caso queiram conferir em detalhes, vejam nosso post falando sobre a Chi AQUI e bom divertimento!

Eu tentando digitar com tanta fofura *3*

2. Nyanpire The Animation

Nyanpire
Nyanpire The Animation conta uma história comovente sobre um gato preto de rua, a quem foi dado o sangue de um vampiro. Ele foi então adotado por uma garota chamada Misaki e passa a viver com ela. A frase favorita do Nyanpire é “Dê-me sangue, nya~. Muitos dos críticos e telespectadores de animes que acompanham o trabalho da empresa de animação Gonzo dizem ser esta a obra-prima dela. E talvez não seja pra menos, já que é tragicamente cômico ver o pobre Nyanpire correr atrás de sangue pra se suster. Outros já preferem dizer que é fofinho mas não chega a ser a obra prima nem de longe, que é bem marromenos. Mas para quem está a pedido de coisas fofas e engraçadinhas, Nyanpire pode acabar sendo uma boa distração. São só 12 episódios também curtinhos, geralmente de 4 minutos.

Me representa.

 

3. Poyopoyo Kansatsu Nikki

poyopoyo
Eu já conhecia o Poyopoyo pelos gifs na internet, mas nunca tinha parado pra ver o anime. Meu arrependimento é não ter visto antes! Tenha certeza que você vai custar a encontrar animes tão estupidamente engraçados e absurdamente fofinhos como esse! Eu sinceramente não consigo dar mais explicações a respeito do anime do que isso: tem cores lindas, um traço super fofinho e uma história cativante, mesmo que bem curtinha e super rápida. O enredo conta sobre a vida cotidiana do gato literalmente redondo que foi adotado pela família Sato após a bela Moe ter se embebedado na rua e acordado usando o pobre animal de travesseiro. Então, sem mais delongas, se estiver procurando alguma coisa só pra perder um tempinho esfriando a cabeça, rindo à beça e se divertindo puramente, aproveite! Como os episódios de Chi, os do Poyo também só duram até no máximo 3 minutos.

Quero apertar <3

 4. Wata no Kuni Hoshi (Filme)

Wata no Kuni Hoshi
Esse filme é beeem antiguinho (1984!),  mas é bacaninha. A história é a seguinte: Após a gatinha de dois meses de idade chamada Chibi-neko ser abandonada por seus donos, é encontrada por um rapaz de 18 anos chamado Tokio. Apesar de sua mãe ser alérgica a gatos e ter muito medo deles, ela acaba por deixá-lo manter a gatinha por temer que ele se tornasse muito fechado após não conseguir passar no vestibular. Chibi-neko logo se apaixona por Tokio. Em sua mente, Chibi-neko é uma pequena humana, que fala em língua humana, apesar das pessoas apenas conseguirem ouvir seus miados, e ela acredita que todos os humanos um dia foram gatinhos como ela. Um dia, ela conhece um gato de rua que diz a ela que conhece um paraíso chamado Cottonland, onde seus sonhos podem se tornar realidade.

Por fim, é fofinho e tudo mais. Algumas pessoas criticam falando que a troca do gatinho real por uma chibi garota é meio alusivo ao loli, mas aí vai de cada um. Em geral é um filme bastante ~cauai~ mesmo, cheio de simbolismos e pequenas lições bonitinhas de vida. Se você é uma pessoa que sinceramente adora tudo sobre gatos, essa animação é para você!

nhoin :33

 

5. O Reino dos Gatos (Filme)

Neko.no.Ongaeshi

Produzido pelo icônico Studio Ghibli, é um dos filmes que trata diretamente sobre o assunto de gatos e é como se fosse um spin-off de Sussurros do Coração (Whisper of the Heart). Reencontramos o Muta e o Barão nesse filme. A personagem principal da história, Haru, é uma menina pra lá de normal, com seus 17 anos de idade. Ela não tem habilidades especiais e nem uma beleza extraordinária. Quando confrontada com a realidade, ela é incapaz de tomar decisões por si mesma e, assim, muitas vezes ela acaba cedendo às opiniões dos outros para evitar desafios. Um dia, porém, Haru salva a vida de um gato sem considerar sua própria segurança. O gato, por um estranho desejo do destino, acaba por ser o príncipe do Reino dos Gatos e, como resultado, Haru é raptada para o mundo dos gatos. Aí entram o Barão e o Muta na história para resgatar Haru.

O Reino dos Gatos é uma das minhas animações preferidas do Studio Ghibli e, como tantos outros de lá, passa mensagens muito importantes para os telespectadores, como sempre acreditar em você mesmo, pois fazendo isso você não tem nada a temer. <3 No geral, é uma fantasia cômica e doce. Posso dizer que é uma animação imperdível para quem é fã do Studio. Vale muito a pena ver! <3

Foi a primeira vez na vida que tive um crush num GATO, cara.

 

6. Kanojo to Kanojo no Neko (OVA)

she and her cat
Separei um cadiquinho mais de espaço pra menor animação da lista por motivos de: é foda. “Ela e seu gato”, como é a tradução desse título, é uma história maravilhosa contada da perspectiva de Chobi, um gato recentemente adotado por ‘Ela’, uma garota anônima. Chobi é um gato razoavelmente filosófico, mas suas observações não vão muito além do que um gato comum é capaz de pensar. Ele percebe quando a garota chora, mas não entende seus motivos, apenas pensando que Ela é perfeita e não deve ser culpada. Chobi percebe que Ela sai durante o dia, mas não sabe para onde. Apenas que o cheiro do mundo exterior entra pela porta sempre que isso acontece. Ele sabe que eles estão juntos, e que isso é tudo que deve ser. Uma coisa interessante a destacar aqui é que o OVA é todo em preto e branco, o que mais ajuda que atrapalha, na verdade. Isso pode inclusive acontecer graças à crença popular de que gatos enxergam em preto e branco (eles na verdade veem em cores sim, mas de maneira diferente da humana), mas isso acrescenta bastante a essa história de 5 minutos (e se brincar ele tem muito mais impacto emocional que muito anime por aí!). Há muitas telas congeladas no OVA, com a maior parte da animação se passando com imagens de fundo, mas isso torna a história mais envolvente e focada, ajudando a compor o ambiente.

Por fim, Ela e seu gato é uma experiência deliciosa. É muito difícil contar uma grande história em 5 minutos, mas Makoto Shinkai, o autor, conseguiu fazer isso muito bem para seu primeiro projeto. Talvez a história corra um pouco rápido, mas ainda é uma grande obra de arte. É curto, fofo (apesar de sombrio em algum nível), e tem um pouco de inocência necessária a todos nós de vez em quando. E mesmo se você pensa que não irá gostar do OVA, tente assistir uma vez. Como eu disse, são apenas 5 minutos.

Atualização: Saiu uma versão animada alternativa dessa lindeza que vai te fazer chorar rios! ç-ç Pra quem quiser assistir, a Crunchyroll tem os episódios AQUI, em ótima qualidade.

Daaaaruuuu ;-;

7. Kuruneko

kuruneko

Por fim, temos então essa gracitcha aqui, que é pra fechar com chave de ouro. Kuruneko fala sobre a vida cotidiana dessa adorável dona de vários gatinhos, com paletas de cores encantadoras e uma história muito aconchegante e igualmente engraçada. A parte interessante disso tudo é que é basicamente uma autobiografia da autora, que inclusive intitulou o mangá com o próprio nome: Yamato Kuruneko, haha. Ela posta no blog dela as comparações do mangá com seus gatinhos na vida real e isso é muito bacana!

De todos, é o que mais inspira um certo tipo de carinho. São 50 episódios também curtinhos. O anime tem uma abertura linda! Deem uma olhada: Esse episódio não tem legenda, mas dá pra perceber a comédia da coisa toda mesmo assim!

Também acho que vale muito a pena ver. Se você é um cat-person, com certeza deve ir para sua lista de animes. Tem uma segunda temporada, que também é tão bacana quanto a primeira.

Espero que tenham gostado da lista, afinal! Na lista de gatos mais conhecidos também tem hyperlinks de posts que já falamos aqui no GG sobre gatos e, por exemplo, recomendo muito o Bakeneko se você é fã de anime de terror ou O Serviço de Entregas da Kiki, que é outro clássico do Studio Ghibli. (⁎˃ᆺ˂)

E pera, acabou ainda não!

Veja a seguir a exposição que explica a obsessão cultural por gatos no Japão! <3

Quem escreve? Liao

Débora é musicista, pesquisadora e otaku (não fedida, prometo). 1/3 gamer, 100% sonserina. A alcunha de Liao veio de um site aleatório de geração de nomes japoneses (Liao é chinês, mas tudo bem).