Videoclipe baseado em The Sims com crítica POLÊMICA aos ~hipsters~

Jolin Tsai Play

Dia de 2 novembro a cantora chinesa Jolin Tsai lancou o vídeo Play, a música promocional do novo álbum dela de mesmo nome. De cara vocês já notam que o vídeo é baseado em The Sims 4 e eu estava me coçando pra postar isso aqui no Garotas Geeks, mas não tinha certeza se era relevante o suficiente. Mas aí eu lembrei que eu posto sobre k-pop então achei que um tiquinho de c-pop não faria mal a ninguém certo?

Hora de tomar banho 8D

Hora de tomar banho 8D

Vamos falar sobre esse case de sucesso: Play não é só um vídeo coloridinho baseado em The Sims com uma coreografia engraçada. O vídeo alcançou mais de 6 milhões de visualizações no Youtube em menos de 2 semanas de lançamento, o que não é pouca coisa, já que mesmo sendo uma artista taiwanesa super popular na Ásia (mesmo que vocês achem que ela não é, ela é sim), o Youtube é bloqueado na maior parte das regiões da China onde se concentra uma boa parcela do público. (seria esse o novo Gangnam Style? -nn)

Bem vamos ao que interessa, assistam o vídeo:

De cara já o vídeo já vem The Sims total. A construção da personagem Rich Queen, a mansão que “abre” as paredes e o teto pra gente bisbilhotar dentro, dentre outras coisas. Rende algumas risadas inclusive mesmo que você não entenda uma única palavra do que ela canta. E esse é o grande problema: a maioria das pessoas não entende nada do que ela canta.

A música fala basicamente sobre pessoas fúteis e nisso ela inclui sabe o que? Hipsters. Sim a mulher bota os dois no mesmo saco.

#shorem

#shorem

Bem isso é um assunto polêmico, opiniões a parte, eu vou falar apenas sobre o que ela fala na letra da música e quero deixar claro que isso não representa a minha opinião ou do Garotas Geeks (mas confesso que eu dei altas gargalhadas :v).

Discutindo sobre diretores da vanguarda de cinema cult dos anos 60.

A música começa exemplificando atividades de pessoas fúteis hipsters, junto de festinha de pijamas, evento social na acadêmia. Depois no começo do refrão vem:

Hipsters blefando no baile de máscaras deste mundo   caótico.

Ousada, ainda mais considerando que logo em seguida ela solta indiretas claramente direcionadas ao mercado pop coreano, falando sobre beleza ideal e excesso de abdomens malhados.

Em 1:33 do vídeo vem a seguinte parte (e tudo ai fazer mais sentido quando vocês assistirem sabendo da tradução):

Um encontro com meu namorado hipster na quarta-feira à tarde
Deixando ele hipnotizado com a minha roupa hipster
Lendo Hemingway em uma lavanderia 24 horas às sextas-feiras
Não me sentindo nem um pouco cansada com minhas 50 contas fakes*

* nessa parte é usado um termo específico que designa contas falsas em redes sociais usadas para falar mal de pessoa

#selfie #instatreta

#selfie #instatreta

 

Moral da história: melhor ler a tradução da música antes de dizer que é só a Dona Florinda dançando uma coreografia ridícula.  Olha a crítica aguçada sobre a sociedade atual! RERERERERE/

hipster-cat

Você pode escutar o álbum novo da Jolin DE GRAÇA no Spotify, é só clicar aqui :D  E se você tiver interesse em ler a letra inteira da música (em inglês), clique aqui.

 

Quem escreve? Nah

Amo Resident Evil incondicionalmente, mas tenho quedas absurdas por Tomb Raider. Assisto séries e animes como se não houvesse vida além disso. Gosto de k/c/j-pop/rock e ~metal~. Sou brega, chata, leio fanfic com idol asiático e durmo com meias de lã o ano todo.