10 aberturas de séries antigas inesquecíveis!

Abertura de Séries

Sessão nostalgia total aqui no Garotas Geeks <3

Quando eu penso em séries, uma das primeiras coisas que me vem na mente, além da sofrência, é a sua abertura, logo em seguida, o seu tema musical. É impossível escutar o tema musical de uma série que você assiste e não visualizar imediatamente a abertura em sua mente, como se tivesse acabado de dar play em um novo episódio.

De uns dez anos para cá, as séries começaram a perder o seu modelo padrão de abertura, normalmente com imagens dos atores na série, e agora é bem comum o uso de artes gráficas ou apenas o título com uma musiquinha dramática ao fundo. Acho uó!

Saudades das aberturas dos Anos 90!

E por conta disso, resolvi fazer uma lista com as INESQUECÍVEIS DEZ aberturas de séries, na minha humilde opinião, é claro.

INFORMAÇÃO IMPORTANTE:
Nessa lista você encontrará sucessos televisivos dos anos 60 a 2000.
Então, sem mimimi porque não coloquei a abertura de Game of Thrones na lista. Estejam avisados! E sim, isso foi um spoiler!

10. “Fresh Prince Of Bel-Air” (1990 – 1996)

Um Maluco no Pedaço para nós, crianças dos anos 90 está para a novela das oitos das nossas queridas vovós, certo? Lembram? Hora do almoço, chegávamos correndo do colégio, largava a mochila no chão, ia arrancando os sapatos e ligava a televisão já cantarolando e dançando com o Will…

9. That 70’s Show. (1998 -2006)

Quando estou num carro e rola um rockzinho dos Anos 70 a Donna dentro de mim desperta e eu preciso encarnar a coreografia dela!

WISCONSIN!

8. Arquivo x (1993 -)

Preciso contar: Eu tinha onze anos, minha mãe estava assistindo um episódio, quando a voz do locutor ecoou: A verdade está lá fora e eu, inocente com todo meu conhecimento de séries da época, virei para mommy e falei: Vai ver esse episódio novamente? Minha mãe ri de mim por conta disso, até hoje. Se você é distraído como eu, deve assistir Arquivo X achando que todo episódio é o mesmo, não é?

7. Scrubs (2001 – 2010)

Musiquinha viciante, abertura simples e rapidinha para uma das séries mais puras, engraçadas e deliciosinhas do mundo da comédia. E sempre, SEMPRE, subestimada pelo público e a própria emissora.

6. One Tree Hill (2003 – 2012)

Eu escolhi One Tree Hill, ou Lances da Vida para alguns, por conta do meu amor por essa série. Chorei mesmo no último episódio, quando essa música (Gavin DeGraw MARAVILHOSO!) começou a tocar mostrando aqueles rostinhos que me acompanharam por NOVE anos com suas histórias. Detalhe: Sou apaixonada por esse estilo de abertura!

5. Charlie’s Angels (1976 – 1981)

ONCE UPON A TIME... PRONTO, já estou me imaginando como uma das três Charlie’s Angels, na sua pose famosa e cabelos Anos 70 ao vento! E sim, antes que perguntem: Eu tive os cabelos da Farrah Fawcett.

4. Married With Children (1987 – 1997)

As melhores comédias estão nos anos 80/90 e por favor, essa abertura não poderia ser mais memorável, não é mesmo?

 3. The Addams Family (1964 – 1966)

Três horas da manhã, sem sono, revisando livro novo, rodo os canais na televisão só para ter um barulhinho na cabeça e…

2. Os Normais (2001 – 2003)

Até hoje eu quero um vídeo com os meus amigos fazendo caretas ao som dessa musiquinha.

1. Smallville

GENTE, apenas digo isso:

SOMEBODY SAVEEEE ME ♪

HORS CONCOURS:

Friends (1994 – 2004)

Seria ridículo fazer uma lista de aberturas memoráveis e não falar da abertura SUPERMEGAHIPERPOWER memorável para a minha geração seriadora que é a abertura de Friends. Se você não bate palminha com o elenco, não imita a dança da Monica com o Ross com seu amiguinho, não gira doidinha como a Phoebe, faz a dança maluca do Chandler e não junta a galera para aquela foto com os muques em destaque, VOCÊ NÃO É BEM VINDO AQUI! Friends é vida!
E está aí, outra abertura que ainda farei videozinho um dia, com os meus amigos, e se Deus quiser, em Nova York, porque eu sonho, mas sonho direito.

E aí, galera, o que vocês acharam da lista? E aí, como seria a lista de vocês? E o que vocês acham de futuramente, eu fazer uma lista focando nas melhores aberturas atuais? Pode render uma boa coletânea, viu?

Quem escreve? Barbara Herdy

Escritora, blogueira, tradutora, moody, hobbit, caçadora de relíquias, 1840's Kid, gamer, hipster, Rainha perdida e Jane Austen me entenderia, mates.